Atuação no clássico aumenta confiança do Vasco para duelo decisivo no Chile

20/05/2018 às 21h52 - FUTEBOL

A vitória não veio, mas a postura agradou. Essa foi a análise do meia Wagner, autor do gol de empate do Vasco no empate por 1 a 1 com o Flamengo, no sábado (19). No Brasileirão, o Cruzmaltino segue na parte de cima da tabela. A meta agora é pegar impulso na boa atuação diante do rival pensando em outro compromisso: a Libertadores. O último jogo da fase de grupos será contra a Universidad de Chile, fora. Uma vitória por dois gols garante o terceiro lugar da chave e a ida para a Copa Sul-Americana.

- Saímos do Maracanã satisfeitos. A nossa atitude foi outra, assim também como a postura e a organização. Conseguimos colocar em prática tudo aquilo que não estávamos apresentando nas partidas. Fizemos isso diante de uma equipe qualificada e que estava liderando o campeonato. Iremos para a partida contra a La U muito confiantes e acreditando na classificação - projetou o jogador.

A obediência tática do Vasco foi outro ponto destacado por Wagner. O Gigante da Colina conseguiu se apresentar de maneira mais sólida após sofrer muitos gols nas partidas contra Cruzeiro (MG), Bahia e Vitória (BA), que abriram margem para crise.

- Foi um jogo bem estudado entre duas equipes que possuem uma história muito forte no Brasil. Começamos a partida muito bem, mas acabamos sofrendo o gol. Isso não mudou nossa postura, continuamos atuando com bastante confiança, sem desanimar. Não deixamos de fazer em nenhum momento o que o professor Zé Ricardo pediu. O resultado ficou de bom tamanho, principalmente pelo que apresentamos.

Vasco x Universidad de Chile será na próxima terça-feira (22), às 21h30, no Estádio Nacional de Santiago.

Fonte: FutRio

Enquete

Quem você gostaria que fosse o novo técnico do Vasco?

Deixe seu comentario