Bruno César pode estrear no calor de Bangu

29/01/2019 às 07h13 - FUTEBOL

A imprevisibilidade da vida aplica peças a todo instante. O Vasco, por exemplo, se preocupou ao máximo em poupar Bruno César. A ideia era o meia estrear quando estivesse fisicamente bem, em um contexto favorável. Tudo corria conforme o planejado, até que Andrey foi expulso contra o Americano. Bruno César, que atuaria domingo passado (entraria no decorrer do jogo), deve fazer sua primeira partida pelo Vasco no calor de Moça Bonita, em Bangu, quarta-feira, contra a Portuguesa.

O cenário para uma estreia é adverso pelas altas temperaturas do bairro da Zona Oeste e pelo estado do gramado. Mas se pretende ter força máxima contra o Fluminense, no sábado, em Brasília, o técnico Alberto Valentim terá de jogar Bruno na fogueira.

O camisa 10 já conseguiu tirar o atraso em relação aos companheiros de equipe. O jogador diz não se incomodar com os questionamentos a respeito da forma física, mas a pré-temporada prolongada para um atleta que já estava em atividade no Sporting, de Portugal, mostra que os parâmetros que apresentou ao chegar a São Januário não agradaram. Para condicioná-lo melhor e prevenir lesões, ele ficou fora dos dois primeiros compromissos do Estadual.

A tendência é que o meia comece no banco de reservas. De qualquer forma, Alberto Valentim terá de administrar a entrada do medalhão em uma equipe com 100% de aproveitamento no Estadual.

Enquanto colhe algum destaque em campo neste começo de ano, com o bom início no Estadual e o vice da Copa São Paulo de Juniores, o Vasco tem conversas em andamento com a LG para que seja patrocinadora máster do clube em 2019. O BMG também negocia. Bruno Maia, vice-presidente de marketing do clube, confirmou as negociações em São Paulo semana passada.

Fonte: Extra