Campello é alvo de protestos no Raulino de Oliveira

29/02/2020 às 21h37 - CLUBE

Alvo de protesto desde a parada técnica do segundo tempo do empate do Vasco por 1 a 1 com o Resende, o presidente Alexandre Campello foi hostilizado por torcedores após o apito final. Em vez de rebater, optou pelo diálogo e chamou dois dos que mais o criticavam para conversar.

Campello só respondeu asperamente um torcedor que o xingava ininterruptamente. Esse torcedor, aliás, causou a revolta de Carlos Leão, conselheiro e aliado do presidente.

Durante a longa conversa de Campello com os dois torcedores, Leão, que alega ter sido ofendido com as palavras de “ladrão” e “vagabundo”, rebateu, e o clima esquentou.

Depois de uma troca de ofensas, a diretoria deixou o estádio sem problemas. Durante o jogo, torcedores gritavam para que Campello pagasse o elenco.

Fonte: Globoesporte.com