Clube

Carlos Brazil explica alinhamento entre profissionais no Vasco

Alinhamento entre profissionais

Dentro desse processo está o alinhamento entre os profissionais da base e do time de cima. Hoje, os coordenadores de performance das equipes, por exemplo, trocam informações e adotam a mesma metodologia para que os garotos não sintam o baque quando são promovidos. Os treinadores também têm modelos de trabalhos parecidos, e o Vasco busca o protagonismo em campo.

- Quando o menino sai da base e vai para o profissional já sabe o que fazer, porque os trabalhos são integrados. O trabalho da base segue uma sequência até o profissional. Força, suplementos, alimentação têm que ser alinhados. Os treinadores também estão alinhados, os modelos de treinamentos e a forma de jogar são os mesmos - disse Brazil.

Não vamos trazer um treinador que vai jogar de forma reativa. O Vasco tem que ser protagonista. É isso que o Barbieri faz no profissional, o William no sub-20 e o Gustavo no sub-17. São profissionais super alinhados.

— completou

Para que a integração funcione, a comunicação entre os departamentos é fundamental. Por isso, Brazil e Bracks conversam diariamente. O gerente da base também tem frequentado os treinos do profissional e mantido contato com os garotos que ele viu crescer no Vasco.

- O Rodrigo, por exemplo, nunca teve uma chance no profissional. Quando estourou a idade a gente frisou que ele precisava ser visto. Está com a gente desde novo, sempre foi titular e muito regular. E o resultado está aí, ele não está sentindo jogar no profissional. Falo com os meninos para se sentirem como se estivessem na base. É o momento de curtirem aquilo que sempre sonharam - comentou.

- Só posso agradecer ao Paulo, ao Barbieri, ao Abel, à 777 e ao Luiz Mello pela oportunidade e confiança no trabalho que é feito desde 2018 com muita paixão. Gostaria de enaltecer o Emílio, que tem sido importante pra sustentação do processo no profissional. Além dele, o Húngaro (coordenador técnico geral da base) e o Kadu (coordenador técnico do sub-20), como profissionais que passaram pelo profissional e que hoje têm uma importância grande no processo de transição - completou.

O bom desempenho dos garotos no time principal é fundamental não só para o retorno técnico, mas também para o retorno financeiro, como aconteceu recentemente com a venda de Andrey para o Chelsea após ter se destacado em 2022. Por isso, um dos pilares do trabalho na base é a fabricação de talentos em sequência.

- Tem uma geração muito boa vindo por aí - garantiu Carlos Brazil.

- O Vasco não pode ter um talento a cada quatro anos sendo vendido como foi Philippe Coutinho, Paulinho e Talles Magno. Tem que ter jogador a todo momento, e tudo que está acontecendo agora é fruto do que preconizamos em 2018. Se amanhã o Paulinho vai para o profissional, tem que ter outro lateral-direito sendo desenvolvido aqui. Estamos preparando também uma metodologia de formação mental, acho que isso é inédito nas categorias de base - destacou Carlos Brazil.

Fonte: ge
  • Terça-feira, 21/05/2024 às 21h30
    Vasco Vasco 3
    Fortaleza Fortaleza 3
    Copa do Brasil São Januário
  • Domingo, 02/06/2024 às 16h00
    Vasco Vasco
    Flamengo Flamengo
    Campeonato Brasileiro - Série A Maracanã
  • Quinta-feira, 13/06/2024 às 21h30
    Vasco Vasco
    Palmeiras Palmeiras
    Campeonato Brasileiro - Série A Arena Barueri
  • Domingo, 16/06/2024 às 18h30
    Vasco Vasco
    Cruzeiro Cruzeiro
    Campeonato Brasileiro - Série A São Januário
  • A definir
    Vasco Vasco
    São Paulo São Paulo
    Campeonato Brasileiro - Série A A definir