Futebol

CBF processa empresa que detinha os direitos da Copa do Brasil

A CBF resolveu processar a Klefer Produções e Promoções, empresa que detinha os direitos de transmissão, comerciais e de mídias da Copa do Brasil durante a temporada 2022. A Confederação alega que há um débito de quase R$ 10 milhões em aberto, referentes a duas parcelas do contrato que não foram pagas.

A relação entre CBF e Klefer já estava estremecida desde o fim do contrato porque a empresa continuou usando as mídias sociais da Copa do Brasil, alterando apenas os nomes.

Dentro da CBF há a suspeita de que o ex-vice-presidente jurídico da Confederação Carlos Eugênio Lopes esteja ajudando a Klefer nos bastidores. A desconfiança surgiu após o envio de documento da empresa à CBF, onde consta a palavra “missiva”, que era constantemente usada por ele em ofícios e notificações quando atuava na CBF.

O Panorama Esportivo tentou contato com Carlos Eugênio Lopes, mas não conseguiu.

A Klefer, que pertence ao ex-presidente do Flamengo Kleber Leite, foi substituída pela Brax, que fechou acordo de R$ 130 milhões por três temporadas da Copa do Brasil— até 2025.

Fonte: Coluna Panorama Esportivo - Jornal O Globo
  • Quinta-feira, 02/02/2023 às 19h00
    Vasco Vasco 5
    Resende Resende 0
    Taça Guanabara São Januário
  • Terça-feira, 07/02/2023 às 21h10
    Vasco Vasco
    Nova Iguaçu Nova Iguaçu
    Taça Guanabara Mané Garrincha
  • Domingo, 12/02/2023 às 18h00
    Vasco Vasco
    Fluminense Fluminense
    Taça Guanabara Maracanã
  • Quinta-feira, 16/02/2023 às 20h30
    Vasco Vasco
    Botafogo Botafogo
    Taça Guanabara Maracanã
  • 25/02 ou 26/02
    Vasco Vasco
    Boavista Boavista
    Taça Guanabara São Januário
  • 04/03 ou 05/03
    Vasco Vasco
    Flamengo Flamengo
    Taça Guanabara Maracanã
  • 04/03 ou 05/03
    Vasco Vasco
    Bangu Bangu
    Taça Guanabara São Januário