Futebol

Com 54,1% de aproveitamento, Ricardo e Castán voltam a atuar juntos

1

Vanderlei Luxemburgo retornou ao Vasco elencando, dentre as ações para manter o time na Série A, a necessidade de melhorar a defesa. À época, conseguiu fazer com que o time ficasse sem vazar nos dois primeiros compromissos (Atlético-GO e Botafogo).

Foi uma melhora efêmera, porém. Aos poucos, o treinador enfrentou os mesmos problemas dos antecessores Ramon Menezes e Ricardo Sá Pinto. A volta à zona de rebaixamento ocorreu, dentre diferentes motivos, pela fragilidade defensiva.

Não à toa o time teve 12 diferentes formações na zaga (duplas ou trios) em 35 rodadas (veja os números completos abaixo, um levantamento do Espião Estatístico do ge). Nas duas últimas, a equipe sofreu gol - foi goleada em sete no campeonato como um todo, a última diante do Fortaleza. Para enfrentar o Internacional, domingo, Ricardo Graça e Leandro Castan, a composição mais usada, estará de volta.

A intensa mudança no setor é o reflexo de um Vasco cheio de dúvidas e com poucas certezas na temporada. A falta de convicção também ocorreu, por exemplo, com o companheiro de Cano.

De qualquer forma, Ricardo Graça e Leandro Castan só tem aproveitamento menos pior do que duas formações. Estas, porém, atuaram em apenas duas rodadas, o que pode indicar algo circunstancial.

- Se tivéssemos poder reação, em uma situação diferente, nós não estaríamos brigando nessas posições, né? Então é uma coisa que está caracterizada e temos que entender que estamos na parte de baixo da tabela. Se tomar um gol, fica difícil. Então, há uma série de coisas que sabemos que existem e que não queremos ficar tratando elas na parte externa, porque não traz benefício nenhum - analisou o técnico após o jogo de quarta-feira.

As 12 formações da zaga vascaína no Brasileiro

Ricardo e Leandro Castan

8 jogos (4v, 1e, 3d)

54,1% de aproveitamento

12 gols marcados pelo time

12 gols sofridos pelo time

3 jogos sem sofrer gols

Marcelo Alves e Miranda

4 jogos (1v, 1e, 2d)

33,3% de aproveitamento

4 gols marcados pelo time

5 gols sofridos pelo time

1 jogo sem sofrer gols

Leandro Castan e Miranda

4 jogos (1e, 3d)

8,3% de aproveitamento

3 gols marcados pelo time

7 gols sofridos pelo time

0 jogos sem sofrer gols

Leandro Castan e Werley

5 jogos (1v, 1e, 3d)

26,6% de aproveitamento

4 gols marcados pelo time

8 gols sofridos pelo time

2 jogos sem sofrer gols

Ricardo e Miranda

1 jogo (1e)

33,3% de aproveitamento

1 gols marcados pelo time

1 gols sofridos pelo time

0 jogos sem sofrer gols

Jadson e Leandro Castan

2 jogos (1v, 1e)

66,6% de aproveitamento

2 gols marcados pelo time

1 gol sofrido pelo time

1 jogo sem sofrer gols

Marcelo Alves e Leandro Castan

3 jogos (1v, 1e, 1d)

44,4% de aproveitamento

3 gols marcados pelo time

5 gols sofridos pelo time

1 jogo sem sofrer gols

Marcelo Alves e Ricardo

2 jogos (1e, 1d)

16,6% de aproveitamento

1 gol marcado pelo time

3 gols sofridos pelo time

0 jogos sem sofrer gols

Leandro Castan, Ricardo e Miranda

2 jogos (2d)

0% de aproveitamento

1 gol marcado pelo time

5 gols sofridos pelo time

0 jogos sem sofrer gols

Werley, Ricardo e Marcelo Alves

2 jogos (1v, 1e)

66,6% de aproveitamento

2 gols marcados pelo time

0 gols sofridos pelo time

2 jogos sem sofrer gols

Miranda, Ricardo e Jadson

1 jogo (1e)

33,3% de aproveitamento

1 gol marcado pelo time

1 gol sofrido pelo time

0 jogos sem sofrer gols

Miranda, Marcelo Alves e Leandro Castan

1 jogo

1d

0% de aproveitamento

0 gols marcados pelo time

4 gols sofridos pelo time

0 jogos sem sofrer gols

Fonte: ge
  • Quinta-feira, 25/02/2021 às 21h30
    Vasco Vasco 3
    Goiás Goiás 2
    Campeonato Brasileiro São Januário
  • Quarta-feira, 03/03/2021 às 21h00
    Vasco Vasco
    Portuguesa Portuguesa
    Taça Guanabara São Januário
  • Sábado, 06/03/2021 às 21h00
    Vasco Vasco
    Volta Redonda Volta Redonda
    Taça Guanabara Raulino de Oliveira
  • Sábado, 13/03/2021 às 18h00
    Vasco Vasco
    Nova Iguaçu Nova Iguaçu
    Taça Guanabara A definir
  • 20/03 (Sáb) ou 21/03 (Dom)
    Vasco Vasco
    Botafogo Botafogo
    Taça Guanabara Maracanã
  • 24/03 (Qua) ou 25/03 (Qui)
    Vasco Vasco
    Macaé Macaé
    Taça Guanabara São Januário
  • 27/03 (sáb) ou 28/03 (dom)
    Vasco Vasco
    Madureira Madureira
    Taça Guanabara São Januário