Com gol contra o São Paulo, Pikachu alcançou marca de 90 gols na carreira

24/11/2018 às 08h30 - FUTEBOL

O lateral-direito Pikachu, do Vasco, alcançou 90 gols na carreira ao marcar na vitória por 2 a 0 sobre o São Paulo, na última quinta-feira, em São Januário. Logo depois do “jogo mais importante do ano” para o Cruz-Maltino, como define o próprio jogador, ele recebeu uma mensagem especial no WhatsApp.

Ainda no vestiário, Pikachu abriu o famoso aplicativo de mensagens instantâneas e viu a mensagem de Carlos Lisboa. O pai do lateral-direito, daqueles bem orgulhosos, anota todos os gols do filho num caderno.

- Meu pai até mandou mensagem. Ele anota num caderninho, sabe o número de gols todinho. Assim que acabou o jogo tinha uma mensagem pela marca. É uma marca importante. Fiquei feliz demais, recebi mensagens dos amigos também, muita gente vendo o jogo, torcendo por mim e pelo Vasco – disse Pikachu, no dia seguinte da vitória sobre o São Paulo, ao GloboEsporte.com.

Foto: Reprodução Internetmensagem

O lateral-direito começou a entrevista, porém, falando do que mais importa: a situação do Vasco na tabela de classificação do Campeonato Brasileiro. Antes do jogo contra o São Paulo, o Cruz-Maltino tinha 39 pontos e estava a só dois da zona do rebaixamento.

A pressão, a três rodadas do fim, era grande. São Januário lotado, necessidade de vitória depois de duas derrotas e um empate... Para Pikachu, sem titubear, foi o jogo mais importante do ano para o Vasco.

- Foi o jogo mais importante do ano. Pode considerar que sim, pelo fato de estarmos nesse momento delicado na tabela, enfrentando um adversário muito forte. Tínhamos a expectativa de conseguir o resultado, mesmo deixando escapar no último jogo em casa contra o Atlético-PR. Claro que fomos para o jogo com aquela expectativa de vencer ou vencer, porque agora nossa classificação melhorou muito, mas até antes era um pouquinho complicada – explicou.

A vitória sobre o São Paulo deixou o Vasco a quatro pontos da zona de rebaixamento, a duas rodadas para o fim do Brasileirão. Para se livrar de vez da queda, o Cruz-Maltino, que tem só 4% de chance de ir à Série B, de acordo com o matemático Tristão, quer vencer o Palmeiras no domingo, 17h (de Brasília), em São Januário.

- Tirou, tirou, sim, mas ainda não garantimos a permanência. Temos mais um jogo em casa, importante, diante de um adversário que está prestes a ser campeão. Sabemos da dificuldade que vamos encontrar, mas jogando em casa com o apoio da torcida temos de tudo para concretizar a permanência no domingo. Não podemos cometer erros – completou Pikachu.

Queda de rendimento

Pikachu tem 19 gols na temporada. Lateral-direito de origem, mas escalado quase sempre como atacante, o jogador começou 2018 bem, mas caiu de rendimento – como ele mesmo admite. Mas acredita, porém, que o início acima da média tenha contribuído para algumas críticas.

- Acredito que sim, porque os nossos adversários também marcam mais. É normal. Não tem como manter um nível de excelência o campeonato todo. Eles acabam neutralizando as jogadas que fazíamos com mais frequência. Somos bem marcados. Tem o desgaste. Eu sou um dos atletas que mais atuou.

Fonte: GloboEsporte.com

Especulação

Especulado

Você aprova a contratação de Diego Souza?

Especulações Mercado