Com gols, Tiago Reis supera média de ídolos históricos do Vasco

01/04/2019 às 08h07 - FUTEBOL

Com personalidade, após perder pênalti na final da Taça Rio - Rossi, primeiro, e Werley, por último, também desperdiçaram suas penalidades -, Tiago Reis encarou as câmeras e lamentou o erro no chute que terminou nas mãos de César. Porém, o jovem centroavante do Vasco, de apenas 19 anos, tem crédito de sobra com a torcida.

São quatro gols em quatro jogos consecutivos - exatamente os quatro primeiros dele como titular do time vascaíno. Passou em branco, antes, em duas partidas que entrou na segunda etapa. A marca é melhor do que a de Roberto Dinamite, Romário e Edmundo, ídolos históricos do Vasco. O levantamento é do "Blog do Garone", do "Lance!".

O início promissor de Tiago anima a torcida vascaína, que vê início de ano de Máxi Lopez às voltas com problemas físicos - ele se recupera de lombalgia e luta para perder peso -, contratuais - em divergência de valores com a diretoria cruz-maltina e, em campo, com apenas dois gols - ambos de pênalti (Juazeirense e Flamengo).

- Foi uma fatalidade - disse o atacante, nascido no Distrito Federal.

Curiosamente, Tiago Reis repetiu a Copa São Paulo de Juniores, quando marcou também no tempo normal da final - nos 2 a 2 contra o São Paulo -, mas perdeu o pênalti na disputa após empate. Thiago Couto, goleiro do Tricolor Paulista, defendeu a bola no canto direito. Contra César, a tentativa foi no lado esquerdo do goleiro. Nas disputas de pênaltis anteriores na Copinha, contra Volta Redonda e Corinthians, o Vasco avançou, mas Tiago não executou nenhuma cobrança.

Ele garantiu que não sentiu a pressão de bater de frente para a torcida do Flamengo. E afirmou que vai treinar mais para não errar novamente. A mira segue a mesma: o título Carioca de 2019.

- Ignoro isso (de torcida). Eu estava bem concentrado para bater. O César foi bem, mas tenho que trabalhar para no próximo não errar. Temos que encarar essa derrota e aprender com os erros. Nosso objetivo é o Carioca. Se ganhássemos ia direto para a final, mas queremos o título no fim - afirmou o jovem atacante.

Fonte: GloboEsporte.com