Comentaristas analisam vaias a Alberto Valentim

15/03/2019 às 11h17 - FUTEBOL

O Redação SporTV desta sexta-feira começou com um debate sobre as vaias a Alberto Valentim apesar da vitória por 3 a 2 sobre o Avaí, em São Januário, pela Copa do Brasil. O apresentador Marcelo Barreto questionou se o torcedor esqueceu do fim da regra do gol qualificado na competição e o comentarista Tim Vickery analisou que talvez o time esteja pagando o preço pelo bom desempenho neste início de temporada. Isso porque o Vasco continua invicto em 2019, com 13 jogos, 10 vitórias, três empates e um aproveitamento de 84%

- O time vira vítima do próprio sucesso - afirmou Vickery.

Barreto pontuou que a vaia a Valentim não se deu no momento da substituição de Thiago Galhardo por Andrey, mas quando o Vasco sofreu o segundo gol do Avaí:

- Será que a torcida do Vasco esqueceu que acabou o gol qualificado na Copa do Brasil? Engraçado que a torcida só xingou o Valentim depois do gol, não na hora da substituição. Estou intrigado com essa vaia, não combina com um time invicto na temporada. Ou será que aconteceu aquele fenômeno comum no futebol brasileiro que é subir a barra, aumentar o nível de exigência? E aí tomar dois gols do Avaí já não é suficiente.

O comentarista Xico Sá concordou:

- Eu acho que mentalmente a torcida estava com o gol qualificado na cabeça.

Ao falar sobre as vaias, Valentim explicou que não pode agir de acordo com a emoção do torcedor:

- Torcedor é lógico às vezes escolhe um jogador do banco para entrar, mas tenho de trabalhar com a razão, não com a emoção. Eu entendo o torcedor. Queriam o quê? O Lucas Santos. O Thiago vinha caindo fisicamente, me pediu a substituição, não achei no momento que o Lucas poderia entrar. Eu fui cobrado, fui vaiado. Não levamos o gol por conta da entrada do Andrey.

- É curioso porque foi uma vitória, marcando três gols, e termina com esse sentimento de insatisfação.

Foto: Rafael Ribeiro/Vasco.com.brAlberto Valentim durante treinamento em São Januário
Alberto Valentim durante treinamento em São Januário

Fonte: GloboEsporte.com