Futebol

Confira números e características de Carabajal, provável titular na segunda

Prioridade do Vasco desde a primeira janela de transferências, o camisa 10 faz falta ao time no início do Campeonato Brasileiro. Sem opções para a função no elenco e com dúvidas no meio, Maurício Barbieri indica que fará novo teste no clássico contra o Flamengo, na próxima segunda-feira. O argentino Gabriel Carabajal treinou no setor durante a semana.

- É uma posição que a gente vem buscando desde dezembro. Não conseguimos por diversas razões. A partir do momento que não tenho, temos que buscar soluções - disse Barbieri em entrevista coletiva ainda antes do Brasileirão ter início.

Se for escalado, esta será a primeira vez de Carabajal como titular no Vasco. Último reforço da primeira janela, o meio-campista atuou em dois jogos com Barbieri. Depois de uma estreia muito ruim contra o Bahia, o argentino entrou melhor diante do São Paulo, quando deu assistência para o gol de Matías Galarza no Morumbi.

Barros vinha sendo titular no meio-campo ao lado de Jair e Galarza. O jovem, no entanto, sentiu um desconforto muscular na coxa e não deve ficar à disposição para o clássico.

Adaptação é obstáculo

Carabajal viveu seu melhor momento na carreira nas temporadas 2020 e 2021, quando fez 69 jogos pelo Argentinos Juniors, com sete gols e oito assistências. Lá jogou em uma intensidade parecida com a que Barbieri exige no Vasco. O time jogava mais pelo chão, fazer triangulações e apostava na saída e nas transições, o que potencializou as características do jogador.

No Santos, ele não conseguiu se encaixar bem no estilo de jogo. Marcou um gol em apenas 12 jogos. A mudança para o Vasco também impactou o argentino, com treinos que lhe exigiam mais. Por isso a demora na adaptação, como já havia explicado Maurício Barbieri:

- Está se adaptando à nossa maneira de jogar, ele relatou uma diferença grande em relação à intensidade dos treinamentos ao que estava habituado. Disse que estava acostumado a jogo mais cadenciado antes, mas que já tinha feito jogos com bastante intensidade na Argentina. Ele falou: “Vou me adaptar, preciso de um tempo”. Ele mesmo disse que era muito mais fácil você sair de uma situação de grande intensidade e depois baixar do que o contrário. Isso envolve tempo.

Desde a chegada ao Vasco, no fim de abril, Carabajal evoluiu bem. A avaliação interna sobre o meia argentino é positiva, e ele já entrou melhor em campo na segunda chance com Barbieri.

Números e características

Na Argentina, Carabajal atuava numa espécie de terceiro homem de campo, um camisa 8, papel que hoje é desempenhado por Galarza e Barros no time de Maurício Barbieri. É um meia com boa chegada à frente. Com Jair sendo escalado como primeiro volante, aumentam as chances do argentino.

- Ele é um jogador muito técnico e que pega bem na bola. Procura sempre o contato com a bola, para ser o elo entre os meias e os atacantes. É um meio-campista com muitos gols, principalmente de longa distância ou bola parada. A posição que melhor lhe encaixa é a de um meia de ligação - destacou o jornalista argentino Nehuen Arrigo, do portal "Pasión Paternal".

Carabajal no Argentinos Juniors:

  • 2021: 40 jogos (25 como titular), 4 gols e 6 assistências
  • 2022: 29 jogos (26 como titular), 3 gols e 2 assistências

As principais características de Carabajal o colocam na função de um meio-campista criativo, com bom passe e lançamento, controle de bola, finalizações de média e longa distância e boa bola parada. Mas ainda busca mostrar isso no futebol brasileiro.

Carabajal no Santos:

  • 2022: 8 jogos (7 como titular) e 1 gol
  • 2023: 4 jogos (2 como titular)

Pelo Vasco, Carabajal jogou 65 minutos somando as partidas contra Bahia e São Paulo. Veja os números do meio-campista:

  • 2 jogos (nenhum como titular)
  • 1 assistência
  • 2 finalizações - uma bloqueada e outra para fora
  • 27 passes (16 certos)
  • 7 cruzamentos
  • 3 faltas cometidas
  • 1 falta sofrida

Cadê o 10?

O diretor esportivo Paulo Bracks revelou, em coletiva na última terça, que a busca por um camisa 10 está entre as prioridades da SAF para reforçar o elenco em julho. O Vasco chegou a consultar alguns nomes e a negociar com outros, mas não conseguiu contratar um reforço para a posição.

- Até a próxima janela, quem vai dar a solução está aqui - resumiu Bracks.

A expectativa do departamento de futebol é que Alex Teixeira pudesse exercer a função de meia criativo, mas o jogador tem atuado mais como ponta-esquerda - na última rodada, o camisa 7 foi escalado como centroavante na vaga de Pedro Raul, suspenso.

O argentino Luca Orellano também chegou a ser cogitado para jogar no meio e seria escalado assim diante do Coritiba, mas disse à comissão técnica que preferia disputar vaga na ponta direita.

Sem um 10 de ofício, o Vasco vai improvisando e buscando soluções internas até a abertura da próxima janela, no dia 3 de julho, quando um reforço para a função será contratado.

Fonte: GE
  • Domingo, 16/06/2024 às 18h30
    Vasco Vasco 0
    Cruzeiro Cruzeiro 0
    Campeonato Brasileiro - Série A São Januário
  • Quarta-feira, 19/06/2024 às 20h00
    Vasco Vasco
    Juventude Juventude
    Campeonato Brasileiro - Série A Alfredo Jaconi
  • Sábado, 22/06/2024 às 21h30
    Vasco Vasco
    São Paulo São Paulo
    Campeonato Brasileiro - Série A São Januário
  • Quarta-feira, 26/06/2024 às 21h30
    Vasco Vasco
    Bahia Bahia
    Campeonato Brasileiro - Série A Fonte Nova
  • Sábado, 29/06/2024 às 19h00
    Vasco Vasco
    Botafogo Botafogo
    Campeonato Brasileiro - Série A São Januário
  • Quarta-feira, 03/07/2024 às 20h00
    Vasco Vasco
    Fortaleza Fortaleza
    Campeonato Brasileiro - Série A São Januário
  • Segunda-feira, 08/07/2024 às 21h00
    Vasco Vasco
    Internacional Internacional
    Campeonato Brasileiro - Série A A definir