Confira o posicionamento dos grupos políticos sobre reunião do Conselho

26/10/2019 às 10h01 - POLÍTICA

Grupo Casaca! Oficial @GrupoCasaca

Hoje tem reunião do CD do @Vascodagama que discutirá as questões de novas associações e anistia. A ideia é a criação de uma comissão que analise as adesões e tenha acesso às informações cadastrais. No atual impasse, parece o único caminho.

A proposta da criação de comissão que verifique sócios novos, anistias e recadastaentos, exposta na reunião do CD do @Vascodagama, foi vitoriosa. Votou contra isoladamente o conselheiro Campello e ninguém mais de sua fiel diretoria. Recado de lealdade para semana que vem? Veremos

Fonte: Twitter Grupo Casaca

Guardiões Da Colina

O nosso grupo, representado pelos nossos 7 conselheiros, se fará presente hoje na reunião do CD cuja pauta será obter informações sobre a aprovação/rejeição dos novos SG. Deixamos registrado que seremos favoráveis a criação de uma comissão pra auditar a entrada dos novos sócios e o motivo da demora para a aceitação dos mesmos. A lentidão nesse processo prejudica o clube, as suas finanças, o quadro social e afasta torcedores e possíveis novos sócios.

Registramos também que o ideal teria sido a diretoria ter aceito uma comissão externa, previamente proposta em Julho pelo grupo de oposição em reunião com Campello e Adriano Mendes(VP de Controladoria). Essa auditoria chegou a ser aceita, mas depois voltaram atrás sem maiores explicações.

Sendo assim, vamos seguir na luta pela transparência que o torcedor vascaíno merece, através do Conselho Deliberativo.

Fonte: Facebook Guardiões da Colina

Identidade Vasco Oficial @idvascooficial

Grupo Identidade Vasco presente na reunião do Conselho Deliberativo e a favor da comissão de sindicância.

Fonte: Twitter Identidade Vasco

Luis Manuel Rebelo Fernandes @FernandesLuis58

Hoje haverá reunião do Conselho Deliberativo do Vasco para examinar a questão da admissão de novos sócios ao clube em função da grande demora na resposta da Diretoria Administrativa aos pedidos de associação, além de indeferimentos sem justificativa ou aprovações seletivas.

Com base no Estatuto do Vasco, a prerrogativa de homologar pedidos de associação é exclusiva da Presidência do clube, e não pode ser delegada ao Conselho Deliberativo, sob pena de transferência de responsabilidade inata à Diretoria Administrativa.

Cabe ao Conselho Deliberativo do Vasco, no âmbito de sua função estatutária de orientação do clube, promover inquéritos destinados a esclarecer e apurar ocorrências e irregularidades de interesse do quadro social.

Nesse sentido, o Conselho Deliberativo pode e deve apurar se houve violação de disposições estatutárias ou de obrigações legais do clube nos processos de admissão de novos sócios e de recomposição do seu quadro social.

Cabe lembrar que, Com base no Estatuto do clube, qualquer recusa de nova associação deve se basear em parecer individual, objetivo e fundamentado que ateste a inidoneidade do sócio proposto.

Como beneficiário de recursos públicos, incluindo a renegociação de débitos no Profut, o Vasco é igualmente obrigado a praticar princípios e procedimentos de transparência da Administração Pública nos seus atos de gestão, sob pena de responsabilização dos seus dirigentes.

O que interessa sobretudo aos sócios e torcedores do clube é que se garanta a lisura e transparência do processo eleitoral que o Vasco viverá no ano que vem, fechando as portas para qualquer prática discriminatória ou irregular na composição do colégio eleitoral desse pleito.

Fonte: Twitter de Luis Fernandes


Sempre VASCO

Vascaínos,

O momento atual exigiria estarmos reunidos para, de modo responsável e sereno, discutir o planejamento estratégico para 2020, analisar o ano, corrigir os erros e aprimorar o que deu certo.

Estamos, porém, presos em um lapso que discute, há décadas, as eleições, fraudes e cadastro de sócios. Entra dia, sai dia e não evoluímos. Sempre os mesmos e reiterados problemas.

Enquanto isso, o nosso maior rival decidirá a Libertadores, amplia a sua estrutura, administra o Maracanã, aumenta suas receitas e lidera o campeonato brasileiro.

O presidente do Vasco, por sua vez, consegue fazer tudo ao contrário, em inacreditável esforço para coroar sua desastrosa administração - a pior de toda a história do clube -, afasta os vascaínos do clube. Inacreditável e inaceitável comportamento!

Campello, que está pendurado no cargo por um liminar conquistada pelos indícios de fraudes na eleição passada, é o principal responsável pelo aumento da distância entre nós e o rival. Incompetência explícita e incontestável!

Visando aos melhores interesses do Vasco, estivemos, em julho, reunidos com o presidente Campello e o VP de Controladoria, Adriano Mendes, oportunidade em que sugerimos a realização de uma auditoria externa e independente nos atos associativos do Vasco. Inicialmente, aceitaram, mas enrolaram e recuaram sem motivo.

Era o prenúncio da confusão.

Agora, o presidente fala para a imprensa que existe uma fraude na associação, mas "se insistirem, libera a entrada de todos os novos sócios".

E lá vem mais um golpe.

Campello não quer auditoria ou comissão porque sabe que vamos investigar não somente os sócios que foram negados, mas, também, os sócios que ele aprovou e que sua diretoria anistiou ou trocou de categoria.

Se ele confirma que existe uma fraude, que investiguemos. Do que tem medo?

A nossa proposta é simples: uma comissão para analisar TODOS os processos associativos do Vasco. Qualquer coisa fora disso é golpe!! Quem não deve, não teme!

Reafirmamos nosso inabalável compromisso na defesa dos vascaínos e continuaremos nossa luta para resgatar a história vencedora do Vasco.

#sempreaoladodovasco
 

Fonte: Facebook Sempre Vasco