Destino de Maxi Lopez pode ser time da 2º divisão da Itália

25/05/2019 às 09h46 - FUTEBOL

Maxi López não é mais jogador do Vasco. O atacante procurou o presidente Alexandre Campello para rescindir o contrato, que vai até dezembro, e foi atendido. Segundo o clube, o desligamento ocorreu em comum acordo entre as partes. O argentino entrou em rota de colisão com o técnico Vanderlei Luxemburgo após ficar fora da lista para a partida deste domingo, contra o Fortaleza, pelo Campeonato Brasileiro. 

Maxi López vinha sendo cobrado por Vanderlei Luxemburgo nos últimos treinos físicos, depois de ter fraca atuação no empate com o Avaí. A intenção do jogador era fazer uma temporada de alto nível, mas não foi possível. O jogador viveu grandes momentos Barcelona e no Milan, quando foi campeão Espanhol e da Supercopa da Itália. 

O atacante chegou ao Vasco em junho de 2018, vindo da Udinese. Pelo clube, disputou 38 jogos e marcou 11 gols. Com a saída de Maxi López, o Vasco ainda conta com Rossi, Lucas Ribamar, Valdívia, Caio Monteiro, Tiago Reis, Vinícius Araújo, Marrony, Moresche e Jairinho. 

O Esporte 24 Horas apurou que o destino de Maxi Lópes, que tem 35 anos, deve ser à Europa. O atacante foi sondado pelo Brescia, que disputa a segunda divisão italiana. Vale lembrar que atacante teve passagem recente pela Itália. Por lá, defendeu o Catania, Milan, Sampdoria, Chievo, Torino e Udinese. 

Fonte: Esporte24Horas