Em entrevista, ex-atacante do Vasco revelou que torce pelo time rival

29/01/2019 às 16h50 - CLUBE

No futebol é normal um jogador vestir a camisa de dois times rivais. Apesar da maioria dos torcedores não concordarem com isso, o profissionalismo é o que conta dentro de campo. Em entrevista ao canal “Pilhado”, o atacante Gilberto, ex-Vasco, revelou que tem um sonho de criança: vestir a camisa do Flamengo, maior rival do Cruz-Maltino.

Gilberto não escondeu que sempre torceu para o Flamengo desde criança. O jogador afirmou que o seu pai foi o principal incentivador para ele ser flamenguista.

– Só tem um lugarzinho aí, que eu falei, que poderia balançar, porque é algo do coração que ainda não realizei… Amo demais o Bahia e vou ficar aqui. Mas ainda tenho uma coisa do coração, que é jogar no meu time de infância. O time que meu pai me ensinou desde cedo a torcer. Sou flamenguista. Meu pai então é muito Flamengo, se dissesse o nome de outro ele ficava com raiva.

Atualmente no Bahia, Gilberto relembrou a temporada que jogou pelo Vasco. O atacante destacou a rivalidade com o Rubro-Negro e afirmou que a ordem em São Januário sempre foi uma só: vencer o Flamengo. Na época, o presidente do clube era Eurico Miranda, que sempre deixou claro a importância de vencer o rival.

– Os caras falavam: vamos ganhar deles, mas a gente sabe que você é torcedor de lá. Eu respondia que podiam ficar tranquilos, que dentro de campo era profissionalismo total. E acabei fazendo um começo de história no Vasco, no começo me identifiquei bastante com o clube.

Pelo Vasco, Gilberto atuou em 26 partidas e marcou nove gols.

Fonte: Super Radio Tupi