Ex-craque vascaíno e da Seleção se despede do futsal

24/12/2007 às 11h18 - OUTROS ESPORTES

Bicampeão mundial pela Seleção Brasileira (1992 e 1996) e eleito duas vezes o melhor jogador de futsal do mundo (1996 e 2000), Manoel Tobias, de 36 anos, pendurou oficialmente o tênis ontem, no Macanãzinho, em um amistoso por ele organizado.

As duas equipes foram batizadas de Amigos de Manoel Tobias, diferenciando-se pela cor do unifrme - um todo azul e o outro com uma faixa preta na diagonal. Estes venceram por 6 a 4, com direito a gol do homenageado do dia (que jogou um tempo em cada equipe, começando pelos vencedores) nos primeiros 16 segundos de jogo.

O agora ex-jogador comentou não imaginar o sucesso que a partida obteve.

\"Não esperava essa receptividade, esta festa. Terminei a minha carreira com o sentimento de dever cumprido, vou lembrar de tudo com muito carinho. Hoje eu vejo que deixei um legado importante\".

Exemplo dessa herança é o atacante André Lima. O jogador, de 21 anos, disse que ficou muito feliz em participar da homenagem.

\"Recebi o convite com muita satisfação, tenho uma admiração muito grande por ele. O futsal está perdendo um grande atleta, mas com certeza o seu nome vai ficar na história do esporte\".

Jorginho, ídolo do futebol de areia, também compareceu e disse ter orgulho de fazer parte da vida de Manoel Tobias.

\"Eu acompanhei o crescimento do futsal no país e sei o valor que ele tem para o esporte. Ele é bom amigo e bom atleta, tenho muito orgulho de conhecer esses dois lados dele”, disse.

Fonte: Jornal dos Sports