Fabrício sobre expulsão: "Acabei prejudicando a equipe"

08/04/2018 às 20h01 - FUTEBOL

Herói da semifinal do Carioca contra o Fluminense, Fabrício foi o maior personagem vascaíno na tarde deste domingo. O lateral recebeu um cartão vermelho aos 36 minutos do primeiro tempo e deixou o Vasco com um jogador a menos até o fim da partida.

Mas na opinião do lateral, o pisão que deu em Luiz Fernando era somente para cartão amarelo. Segundo ele, o árbitro da partida estava com uma visão diferente por causa da falta de punição dentro de campo a Rildo, quando quebrou a perna do meia João Paulo.

- Vi um monte de vezes. Os árbitros vem com uma carga do lance do João Paulo. Não tinha onde colocar o pé, acabei pegando o tornozelo. Lance para cartão amarelo, não era para expulsão. Não sou de tomar cartão assim. Acabei prejudicando a equipe. Mas cinco minutos de acréscimo prejudica mais ainda. O maior prejudicado nisso tudo foi a gente. Temos que levantar a cabeça. Fim de semana já começa o Brasileiro, estamos triste por não ter conquistado o título mas é bola para frente. A equipe correu mais. A expulsão foi determinante. Deixei a rapaziada na mão.

Assim como Zé Ricardo, Fabrício falou da chateação do elenco por causa do vice-campeonato. O lateral fez coro ao treinador e garantiu que agora o time tem que pensar nas competições restantes, como Brasileirão, Copa do Brasil e a Libertadores.

- A gente optou por não conversar muito e deixamos para conversar durante a semana até porque está todo mundo triste. Agora é bola para frente, não dá tempo de se lamentar. Acabou e agora é pensar no Campeonato Brasileiro, Copa do Brasil e Libertadores, que são as competições que temos pela frente.

Foto: Caio Blois/GloboEsporte.comFabrício
Fabrício

Fonte: GloboEsporte.com

Enquete

Qual a culpa dos problemas políticos do Vasco na campanha do clube no Brasileiro?

Deixe seu comentario