Felipão dará preferência a clubes que não tenham clima de eleições

10/10/2020 às 08h06 - CLUBE

Luiz Felipe Scolari quer voltar a trabalhar. Longe do campo desde a saída do Palmeiras, em setembro do ano passado, o treinador está disposto a ouvir ofertas que surgirem no mercado da bola, segundo apurou o UOL Esporte. Por isso mesmo, não é de se estranhar que o seu nome tenha surgido entre os cotados no Corinthians e no Vasco.

No entanto, o técnico vai estudar com carinho as propostas que chegarem. Ainda de acordo com a apuração da reportagem, o técnico prefere não aceitar um clube que tenha eleições presidenciais no seu horizonte — como são as situações do Corinthians e Vasco.

Experiente, Felipão sabe que o treinador é visto como um cargo de confiança. Por isso, com a mudança de comando na política do clube, aumenta a possibilidade de o técnico perder o respaldo.

Por outro lado, como publicou ontem (9) o UOL Esporte, o treinador não veria problema em trabalhar em um arquirrival do Palmeiras — clube onde construiu boa parte de sua história.

"Mandei uma mensagem para o Felipão perguntando se ele tinha recebido alguma proposta do Corinthians, se ele trabalhava no Corinthians. Liguei, mandei mensagem para saber se ele aceitaria uma proposta como profissional. Ele falou que é profissional e trabalharia em qualquer time do mundo", disse o ex-jogador Vampeta em entrevista ao UOL Esporte.

Técnico da seleção brasileira campeã da Copa de 2002, Felipão já teve o seu nome especulado também em outros clubes nos últimos meses — como o Bahia e até o Boca Juniors, da Argentina.

 

Fonte: UOL