FERJ emite nota sobre gramado do Mané Garrincha

28/01/2019 às 19h21 - FUTEBOL

O gramado do estádio Mané Garrincha, em Brasília (DF), virou motivo de preocupação após um helicóptero da TV Globo flagrar seu péssimo estado na manhã desta segunda-feira (28). Com o clássico entre Vasco e Fluminense - válido pelo Campeonato Carioca - marcado para este sábado (2), a empresa "Greenleaf", responsável pela troca da grama, garantiu que ele estará em plenas condições para a partida.

"Garantimos que o gramado estará em ótimas condições", declarou Flávio Piquet, sócio-proprietário da empresa.

Para confirmar sua tese, o empresário lembrou que o gramado do Maracanã - também sob manutenção da "Greenleaf" - foi trocado 10 dias após a cerimônia de abertura das Rio-2016, e estava em perfeitas condições para a parte final do torneio olímpico de futebol.

"Só a título de comparação, lembra na Olímpiada? Trocamos 100% o gramado do Maracanã três dias antes da semifinal.  Teve semifinal do feminino e do masculino e também disputa de medalha de ouro nas duas categorias. Tudo na mesma semana", destacou.

Na ocasião, o piso foi retirado, replantado em três dias e recebeu, por exemplo, a partida entre Brasil e Alemanha, que deu à seleção brasileira a inédita medalha olímpica no futebol.

ReproduçãoCaminhões com rolos de grama chegaram ao estádio para a troca do piso

De acordo com Piquet, o gramado do Mané Garrincha terminará de ser trocado nesta terça-feira (29).

O Vasco vendeu o mando de campo do clássico após receber uma proposta de uma empresa privada que organizará a partida. Ano passado o Cruzmaltino já havia vendido dois jogos para o estádio (Corinthians e Flamengo).

Federação cobrou explicações

Ao tomar conhecimento do estado do gramado do Mané Garrincha, a Federação de Futebol do Rio de Janeiro (Ferj) procurou a administração do estádio e cobrou explicações: "a FERJ fez contato com a administração do Estádio Mané Garrincha, que deu a garantia de que um gramado novo está sendo colocado e que até sábado estará em perfeitas condições". 

Shows castigaram o gramado

O estado ruim do gramado se deu em função de shows que aconteceram no local no fim do ano passado. Por conta da situação, a partida entre Capital e Ceilândia, que aconteceria nesta quinta-feira no estádio, foi adiada para 6 de fevereiro.

Fonte: UOL Esporte