Flamengo e Vasco, fazem neste domingo, o clássico dos desesperados

19/03/2006 às 02h40 - FUTEBOL

Flamengo e Vasco farão neste domingo, às 16h, no Maracanã, o clássico dos milhões, válido pela última rodada da Taça Rio. O jogo que tem grande importância para o destino dos times. No entanto, a vitória pode não valer nada, já que as duas equipes dependem de outros resultados para se classificarem para as semifinais.

O Flamengo depende de um tropeço de Americano ou Cabofriense, que enfrentam, respectivamente, Friburguense e Madureira. Com seis pontos, o time ocupa a terceira colocação do Grupo A.

Já o Vasco tem a situação ainda mais complicada. Na quinta posição do Grupo B, o time depende de tropeço de três times entre Madureira, América, Volta Redonda e Friburguense.

A situação das duas equipes poderia ser melhor se o Vasco não tivesse perdido por 2 a 0 da Cabofriense, na última quarta-feira. O tropeço vascaíno atrapalhou os planos dos times, colocando a equipe da Região dos Lagos na boa.

Em São Januário, o situação é de extrema tensão. Na última quinta-feira, o técnico Renato Gaúcho teria colocado o cargo à disposição, após mais um mau resultado. Renato foi convencido pelo presidente Eurico Miranda a ficar no comando do time, pelo menos até o clássico. Em caso de nova derrota, o técnico não deve acordar segunda-feira empregado.

- Ninguém é eterno. Estou tranqüilo. Em nenhum momento a diretoria me colocou contra a parede. Em momento algum, foi cogitada a minha saída, o que não quer dizer que serei eterno aqui - afirmou o treinador.

Apesar de depender de uma série de resultados, Renato mantém a confiança no sucesso do Vasco no Carioca.

- Estamos pensando apenas neste jogo contra o Flamengo. Vamos ver o que acontece. Ainda estou bastante confiante na classificação - disse o ameaçado técnico.

O time que tentará a complicada classificação tem um sério desfalque: o goleiro Roberto. Ele teve um estiramento no músculo abdominal oblíquo, na partida contra a Cabofriense. Quem deverá jogar é Cássio, que o substituiu durante a derrota para o tricolor de Cabo Frio.

Na lateral direita, jogará Claudemir. Wágner Diniz continua entregue ao departamento médico. Na zaga, Éder e Fábio Braz disputam uma vaga ao lado de Jorge Luis. O primeiro deve ser o titular, mas Renato ainda não confirmou.

Se o ambiente em São Januário não está bom, na Gávea também não há nenhuma tranqüilidade. Com a derrota do Vasco, o Rubro-Negro não depende mais de si para conseguir a classificação.

O que traz confiança ao técnico Waldemar Lemos na classificação do Flamengo é que o departamento médico do clube está vazio. Somente Fernando está vetado do clássico. Mesmo assim, por estar fora de forma, após se recuperar de estiramento na coxa direita.

Diego Souza, Obina e Toró, que estavam fora de forma, estão liberados e ficam à disposição do treinador.

O vice de futebol Kléber Leite mostrou confiança na classificação do time.

- Eu penso na conquista do Carioca. A situação não é impossível - ressaltou.

Kléber explicou que os resultados dos quais o Flamengo depende não são impossíveis de acontecerem.

- O Americano empatar com a Friburguense não é um resultado improvável. Da mesma forma, que o Madureira ganhar da Cabofriense em casa é simples. Eles ganharam do Flamengo no Maracanã - disse o confiante dirigente.

A curiosidade ficará por conta dos principais atacantes dos times. Os vascaínos Romário e Edílson ainda mantêm fãs entre os rubro-negros. Da mesma forma, Luizão, que está em grande fase no Flamengo, foi ídolo em São Januário.

A dúvida do técnico Renato Gaúcho e da torcida vascaína gira em torno da participação ou não do atacante Romário. Desde quarta-feira, ele não dá as caras em São Januário e transformou-se na principal íncógnita da equipe. Caso ele não entre em campo, Edílson formará a dupla de ataque com Valdiram.

Apesar de as palavras mostrarem que em São Januário e na Gávea a confiança é grande, ninguém duvida que o time que for eliminado entrará em grave crise.

FICHA TÉCNICA

FLAMENGO x VASCO

Local: Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)
Data - hora: 19/3/06 - 16h
Árbitro: Edilson Soares da Silva
Auxiliares: José Claudio Paranhos e José Orlando Gomes

FLAMENGO: Diego, Léo Moura, Ronaldo Angelim, Renato Silva e Juan; Diego Souza, Jônatas, Renato e Fellype Gabriel; Luizão e Ramírez.
Técnico: Waldemar Lemos.

VASCO: Cássio, Claudemir, Jorge Luiz, Éder (Fabio Braz) e Diego; Ygor, Ives, Morais e Ramon; Edílson e Romário (Valdiram).
Técnico: Renato Gaúcho

Fonte: Lancenet!