Futebol carioca tem nova comissão de arbitragem

06/01/2006 às 16h47 - FUTEBOL

A Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro criou uma nova comissão de arbitragem para o Campeonato Estadual. Comandada pelo ex-árbitro Carlos Elias Pimentel, a nova comissão terá a participação de outros profissionais do apito, como Jorge Rabello e Daniel Pomeroy. A missão é melhorar a qualidade da arbitragem no estado e formar novos árbitros.

O objetivo, segundo a Federação, é moralizar a arbitragem, tão contestada depois do escândalo da Máfia do Apito, protagonizada pelo ex-árbitro Edílson Pereira de Carvalho no Brasileirão, e dar transparência, aumentando a credibilidade e incentivando a renovação. \"Atualmente, só temos dois árbitros de ponta no estado, que são o Wagner Tardelli e o Djalma José Beltrani. Queremos formar mais três para as próximas competições\", explicou Pimentel.

A nova comissão terá um quadro de observadores para avaliar o desempenho dos árbitros. \"Teremos reuniões periódicas com os profissionais logo após as partidas. O objetivo é dar respaldo a eles e corrigir erros. Dependendo dos casos, até mesmo o afastamento de árbitros pode ocorrer, para uma reciclagem\", afirmou Pimentel, que fará o sorteio para os jogos dois dias antes das rodadas.

A renovação da arbitragem começa na terça-feira, quando os árbitros do Estadual serão apresentados e iniciarão pré-temporada, até sexta-feira, na Sendolândia, em São João de Meriti. \"Todos passarão por uma análise documental, incluindo grau de escolaridade, exames médicos e registro na CBF. Não podemos repetir o erro que aconteceu com o Edílson, que foi registrado com um diploma falso\", explicou Pimentel.

Fonte: O Dia