Giovanni Augusto quer ver Caldeirão ferver no segundo semestre

06/07/2018 às 14h10 - FUTEBOL

O Vasco da Gama teve uma manhã de sexta-feira (06/07) marcada por muito trabalho em Pinheiral. No penúltimo dia de concentração no Centro de Treinamento João Havelange, a comissão técnica cruzmaltina promoveu uma série de atividades físicas, técnicas e táticas com os jogadores. O último trabalho foi dirigido pelo treinador Jorginho e teve ênfase no posicionamento defensivo durante as bolas paradas.

Durante o período de ajustes, assim como em diversos momentos da semana de treinamentos, foi comum ver os jogadores conversando entre si com o objetivo de encontrar o melhor caminho para a construção das jogadas ofensivas e também minimizar os erros defensivos. Um das vozes mais ouvidas é a de Giovanni Augusto. Embora pareça tímido dentro das quatro linhas, o armador vem se tornando um líder no time vascaíno.

- Sempre tive um pouco desse aspecto de liderança por onde passei, mas gosto de fazer apenas no vestiário e nos treinamentos. Não gosto muito de expor isso. Eu procuro sempre conversar, dar opinião e também ouvir. O Brasileiro é um campeonato muito difícil, então é fundamental que você não cometa tantos erros e faça de tudo para minimizá-los. Estou sempre compartilhando coisas que aprendi com o objetivo de ajudar no fortalecimento do time - disse o meia. 

Neste sábado (07), pela primeira vez desde que as competições nacionais pararam em virtude da Copa do Mundo, o Gigante da Colina voltará a ser testado numa partida. A equipe de São Januário disputará dois jogos-treinos, contra Madureira e Portuguesa da Ilha do Governador, respectivamente. Os duelos acontecerão pela manhã e são vistos como essencias para a comissão técnica avaliar o rendimento do time antes da volta do recesso.

- É sempre muito importante disputar amistosos durante um período de preparação, até mesmo para conquistar resultados positivos, começar com o pé direito e fazer a confiança aumentar. Nossa equipe está muito preparada para esses primeiros desafios. É colocar em prática tudo que trabalhamos durante a semana para fazer uma grande apresentação, agradar a comissão técnica e sair de campo com a vitória - declarou o jogador.

Foto: Carlos Gregório Jr/VascoGiovanni destacou a força do Vasco em São Januário
Giovanni destacou a força do Vasco em São Januário

Utilizado com mais frequência durante o Campeonato Brasileiro, Giovanni Augusto acredita que o Vasco da Gama possui plenas condições de fazer uma grande campanha no principal torneio nacional. Para o armador, entretanto, o objetivo só será atingido se o Almirante conseguir alcançar um espetacular rendimento atuado em casa. O apoio da torcida é considerado de suma importância pelo paraense.

- O fator casa faz muita a diferença no Brasileiro, então temos que fazer nossa parte quando estivermos jogando em São Januário. Tem que ser um ponto positivo para o nosso lado. Peço ao nosso torcedor que compareça nas partidas para nos incentivar, jogar junto do nosso grupo. Todo mundo sabe a grandeza do Vasco e do fanatismo que sua torcida possui. Quando ela está do nosso lado, nos sentimos mais fortes. Posso garantir que não vai faltar união, determinação e força de vontade do nosso time. Que a gente faça uma grande parceria até o final do ano para nos fortalecermos na busca por nossos objetivos. Chegou a hora de transformar São Januário mais uma vez num caldeirão - concluiu Giovanni Augusto. 

Foto: Carlos Gregório Jr/Vasco Giovanni Augusto faz exercício no gramado do CT
Giovanni Augusto faz exercício no gramado do CT

Fonte: Site oficial do Vasco

Enquete

Você é favorável ao retorno de Antônio Lopes no cargo de dirigente?

Deixe seu comentario