Globo apresenta proposta sobre direitos de transmissão; Veja como ficará

07/05/2018 às 10h58 - IMPRENSA

A partir do ano que vem, a distribuição do dinheiro pela cessão dos direitos de transmissão de TV do Campeonato Brasileiro será completamente diferente. Todos os 20 integrantes da Série A receberão da seguinte maneira: 40% de maneira igual, 30% de acordo com a performance e 30% pelo número de de jogos transmitidos na Globo.

O Blog teve acesso às contas apresentadas pela emissora aos clubes. A fatia de 40% que será dividida de maneira igualitária representará R$ 22 milhões para cada time integrante do Brasileirão.

Os 30% referentes à performance vão garantir uma bolada de R$ 33 milhões ao campeão nacional. Os prêmios vão diminuindo de acordo com a classificação final até o 16º colocado, que ficará com R$ 11,2 milhões. Importante: os clubes foram avisados que não terão direito a qualquer bônus em caso de rebaixamento.

Há outra particularidade: essa cota somente será paga integralmente no fim do ano, tão logo o Campeonato Brasileiro terminar. Ou seja, os participantes da Série A terão de se virar ao longo da temporada com apenas os R$ 22 milhões que representam 40% da cota., já que os outros 60% só serão definidos com o passar do torneio.

Além das cotas de TV aberta, os membros da Série A ainda terão direito às luvas da TV fechada e ao PPV. Por falar no pay-per-view, os clubes receberão um valor derivado da sua participação na venda de pacotes, que será auferido por pesquisa realizada anualmente, a ser aplicada sobre 38% do faturamento bruto da Globo com o PPV.

Fonte: Blog do Jorge Nicola - Yahoo.com

Enquete

Você é favorável ao retorno de Antônio Lopes no cargo de dirigente?

Deixe seu comentario