Grêmio cobra dívida referente a negociação envolvendo Fellipe Bastos

18/06/2020 às 09h48 - FUTEBOL

O Vasco passa por um momento delicado há pelo menos cinco anos. A cada temporada, o clube vai aumentando os problemas financeiros e isso tem deixado o torcedor preocupado. Os vascaínos aderiram à campanha do sócio-torcedor em peso, mas o Gigante da Colina continua afundado em dívidas e não existe nenhuma projeção de quando tudo irá começar a melhorar.

Se já não bastasse isso, o presidente Alexandre Campello “ganhou” mais um problemão nos bastidores. O jornalista Venê Casagrande informou na manhã desta quinta-feira (18), que o Grêmio está cobrando uma dívida antiga referente uma negociação envolvendo o volante Felipe Bastos. Em 2015, o medalhão foi vendido junto ao Al Ain, dos Emirados Árabes e o Imortal tinha direito a receber uma quantia pela “taxa de vitrine”. 

O presidente gremista, Romildo Bolzan Júnior, confirmou a informação ao portal “O Dia” e disse que o clube gaúcho irá recorrer à Justiça. Ainda de acordo com o mandatário, a cúpula vascaína já está sabendo da decisão: “Tem, sim, essa dívida do Vasco por conta do Fellipe Bastos. Eles já tentaram parcelar, nós nunca aceitamos, mas agora vamos recorrer à Justiça. Eles já sabem, sim. Estão ciente”. 

É desta forma que o Vascão não consegue se reerguer e não tem um projeto para voltar ao protagonismo do futebol brasileiro. O cenário ainda não é pior pela força dos torcedores, que tentam ajudar o seu clube de coração de todas as formas possíveis. Mas, as gestões desastrosas fizeram com que o Gigante da Colina parasse no tempo e não conseguisse sair do labirinto.  

Mesmo diante dessas dificuldades, Campello não descarta a chegada de mais reforços ao elenco visando fortalecer o elenco para a sequência da temporada. Por outro lado, a prioridade maior neste momento é conseguir vendas milionárias para equilibrar o caixa financeiro do Cruz-Maltino.

Fonte: Bolavip