Henríquez vira exemplo para elenco vascaíno

26/06/2019 às 08h14 - FUTEBOL

Após ser "esquecido" pelo ex-técnico Alberto Valentim e chegar a ficar como terceira opção na reserva no Vasco, o zagueiro colombiano Oswaldo Henríquez ganhou uma sobrevida com a chegada de Vanderlei Luxemburgo e se tornou um exemplo de dedicação para o novo treinador.

Luxa fez questão de elogiá-lo publicamente tanto na vitória por 2 a 1 sobre o Internacional como no resultado positivo de 1 a 0 diante do Ceará, quando o atleta atuou com uma microfratura no cotovelo esquerdo.

"Futebol é um esporte de choque, duro e quero o Vasco da Gama da forma como vi no jogo. Acima de tudo com a atitude do Henríquez. Ele luxou o braço, eu já luxei o braço, parabéns ao departamento médico. Ele voltou para o jogo e depois foi examinado. Esse espírito que o Vasco precisa. Sacrifício. Não existe jogador terminar jogo sem dor nenhuma. Ele é um exemplo de comportamento que quero aqui. Sabe a importância que tem dentro do jogo. Ele entendeu naquele momento que a presença dele era importante. A doação a todo momento pela vitória", disse o treinador à Vasco TV.

A falta de prestígio de Oswaldo Henríquez com Valentim era tanta que o zagueiro só disputou três partidas em 2019 até aqui, sendo duas delas já sob o comando de Luxemburgo.

Neste período onde não vinha sendo utilizado, cogitou-se negociar o jogador, que tem contrato com o clube até o fim deste ano. Agora, o colombiano comemora a fase nova vivida dentro do time cruzmaltino.

"Me sinto feliz. Para todo jogador é bom sentir essa competitividade. Sou um jogador que tenta sempre se superar nos treinos e foi importante jogar essas duas partidas. Melhorou o ânimo individual e coletivo. Vou trabalhar ainda mais forte".

Fonte: UOL Esporte