Clube

Horacio Junior revela planos da nova gestão

0

Após conturbado processo eleitoral, a Mais Vasco, chapa vencedora da eleição cruz-maltina, segue no processo de transição para assumir o clube em meados de janeiro. Enquanto os olhos recaem sobre a montagem do departamento de futebol, outras áreas já iniciam o planejamento para implementar os projetos anunciados em campanha.

O Papo na Colina conversou com Horácio Júnior, futuro vice-presidente de Responsabilidade Social e História do Vasco, sobre os projetos da nova gestão para a barreira do Vasco, como recuperar a história do clube e também para o Colégio Vasco da Gama.

Confira a íntegra da conversa abaixo:

A nova gestão já está ciente da situação do Colégio Vasco da Gama?

– Sim, eu estou tomando pé da situação. Já tive uma reunião com o vice-presidente Marcos Macedo, já bati um papo com o diretor da escola e ainda vamos fazer mais uma reunião para traçar o planejamento e saber as principais necessidades. Sei que eles fizeram todo o planejamento pedagógico, mas ainda faltam algumas coisas. Precisa ver o que que falta e traçar a estratégia, então isso é uma coisa que a gente vai fazer. Temos muito trabalho ainda em relação à escola.

Quais os primeiros passos que deseja para valorizar a história do clube?

– Para valorizar a história temos o projeto que eu já divulguei no meu Twitter, "Onde você estava na virada do século?", é onde pretendemos fazer uma coleção de crônicas enviadas pelos próprios vascaínos. Todo mundo lembra onde estava, foi um evento marcante para todo mundo. Todos que têm mais de 30 anos sabem onde estavam durante a virada do século, então tem muitas histórias bacanas e divertidas que vão ser imortalizadas na publicação de um livro. Queremos fazer, vender e premiar as melhores crônicas. Vamos fazer um contrato de cessão do uso desse texto com os vascaínos que toparem e recompensá-los de alguma forma. Esse é um dos projetos, outro projeto que vamos começar é fazer o site do centro de memória que ainda está indisponível, ainda em desenvolvimento. Já temos o projeto e o Valmir, que é o nosso Historiador, ele tem uma direção para esse site, já sabe qual é o conteúdo que vamos disponibilizar, estatística, fotos, etc. O Vasco tem o maior acervo digital do mundo, então está na hora de disponibilizá-lo para o vascaíno. Vamos ter bastante informação disponível a todos, assim até ajuda vascaínos que vão fazer trabalhos acadêmicos. É bastante importante, pois daí vamos também fazer pílulas, de no máximo um minuto e meio contando episódios curiosos da história vascaína. Queremos gravar vídeos, convidar diversas pessoas, personalidades da política vascaína, sócios, para gravar esse vídeo. É uma coisa bacana para divulgar e esses são os principais projetos de curto prazo para gente colocar de pé.

Pode falar sobre o projeto Vasco da Barreira?

– O Vasco da Barreira talvez seja o projeto mais ambicioso da pasta. O que é esse projeto? Criar uma rede de relacionamento com a comunidade, que consiste em fazer uma cooperativa, onde as pessoas que moram na barreira vão trabalhar criando produtos licenciados para o Vasco da Gama a preços populares. Então qual é a primeira parte que temos que fazer? Achar algo que elas possam produzir, fazer uma camisa, um boné, um cachecol, coisas desse tipo. Depois vai ser a formação dessa cooperativa, que precisa ter um local físico, precisa ter equipamentos e pessoas treinadas. Então essa seria uma outra etapa desse projeto, e uma outra parte é a distribuição desses produtos, queremos vender esses produtos, principalmente durante os jogos do Vasco, oferecer uma oportunidade para as pessoas que hoje vendem produtos piratas para os ambulantes que vivem e trabalham no entorno de São Januário. Queremos trazer essas pessoas para dentro para que eles possam vender esse tipo de produtos. Então vamos tirá-los da ilegalidade, acabando com a pirataria que sangra o Vasco, de alguma forma, mas sem sangrar o cara que que precisa, que tem sua conta para pagar, que tem a sua responsabilidade com sua família. Queremos dar uma oportunidade de emprego digna, trazer dentro da legalidade, alavancar mais receitas e deixar de perder dinheiro com a pirataria. A pirataria sangra milhões dos clubes de futebol todo ano, isso é uma é um projeto que tem um viés social muito forte, muito bom e econômico também para o Vasco.

 

Fonte: Papo na Colina
  • Quarta-feira, 20/01/2021 às 21h30
    Vasco Vasco 1
    Red Bull Bragantino Red Bull Bragantino 4
    Campeonato Brasileiro Estádio Nabi Abi Chedid
  • Domingo, 24/01/2021 às 20h30
    Vasco Vasco
    Atlético-MG Atlético-MG
    Campeonato Brasileiro São Januário
  • Quarta-feira, 27/01/2021 às 19h15
    Vasco Vasco
    Palmeiras Palmeiras
    Campeonato Brasileiro Allianz Parque
  • Domingo, 31/01/2021 às 16h00
    Vasco Vasco
    Bahia Bahia
    Campeonato Brasileiro São Januário
  • Quinta-feira, 04/02/2021 às 21h00
    Vasco Vasco
    Flamengo Flamengo
    Campeonato Brasileiro Maracanã
  • Quarta-feira, 10/02/2021 às 19h15
    Vasco Vasco
    Fortaleza Fortaleza
    Campeonato Brasileiro Castelão
  • 17/02 (qua) ou 18/02 (qui)
    Vasco Vasco
    Internacional Internacional
    Campeonato Brasileiro São Januário