Jean, ex-Flamengo, acerta transferência para o Vasco

14/07/2006 às 04h26 - FUTEBOL

A bola ainda nem começou a rolar pela decisão da Copa do Brasil, mas o Vasco já saiu na frente do rival. Numa rápida jogada de bastidores, o clube está fechando a contratação do atacante Jean, revelado pelo Flamengo e que foi o carrasco vascaíno ao marcar três gols na final do Estadual de 2004.

Jean confirmou ao LANCE! que está se transferindo para o Vasco. A negociação deverá ser concluída ainda hoje. Faltam ser acertados os últimos detalhes salariais e assinar o contrato, que vai até o fim do ano.

- Ainda não assinei, mas já está bem concreta a negociação. Acho que tudo deve ser fechado nesta sexta - disse Jean, surpreendido ao ser perguntado da negociação.

O atacante, revelado pelo Flamengo e que sempre disse ser torcedor do clube da Gávea, não caiu na hipocrisia de declarar agora que é vascaíno desde criancinha. Ele afirmou que quer conquistar sua futura torcida dentro de campo.

- Sou um profissional. Da mesma forma que defendi o Flamengo, vou dar o melhor de mim para conquistar a torcida do Vasco. Vou me esforçar ao máximo, como fiz em todos os clubes pelos quais passei.

Preciso de lugar para trabalhar e não vejo problema nenhum, vou defender o Vasco com orgulho completou o atacante.

A diretoria vascaína estava conduzindo a contratação sigilosamente, assim como fez ao levar Edilson para a Colina. Ontem, Jean foi a um cartório da Barra da Tijuca para autenticar a liberação que recebeu do Saturn, clube russo com o qual tem contrato até 2009, para jogar no Brasil até o final do ano.

O Saturn não deverá receber nada do Vasco pelo empréstimo.

- Eu disse aos dirigentes de lá que não estava totalmente adaptado e eles me liberaram até o final do ano - confirmou o atacante.

Jean só poderá estrear pelo Vasco em agosto, já que está vindo de um clube do exterior. Ele se juntará a Edilson, Valdiram e Faioli como as principais opções ofensivas para o Brasileirão e a Copa Sul-Americana.

Na semana da grande decisão, os vascaínos podem comemorar o gol marcado no rival fora de campo.

Fonte: Lance