Futebol

Jogadores do Vasco finalista da Copinha 2019 não decolam e perdem espaço

Com apenas um título de Copa São Paulo de Futebol Júnior conquistado em 1992, o Vasco voltou a fazer grande sucesso na edição de 2019, quando numa final emocionante decidida nos pênaltis, contra o São Paulo, no Pacaembu (SP), foi vice-campeão. Após duas temporadas, no entanto, a grande maioria dos jogadores daquele elenco ainda não decolou e perdeu espaço, tirando poucas exceções.

O maior expoente daquela geração, até o momento, é o atacante Talles Magno, que naquela competição era um dos "caçulas" do grupo e, ainda com 16 anos, estreou nos profissionais pouco tempo depois, virando sensação na primeira temporada e caindo de rendimento em seguida. Mesmo assim, seu estilo habilidoso chamou a atenção do New York City, dos Estados Unidos, que lhe comprou ano passado por cerca de R$ 42 milhões, a quarta maior venda da história do Vasco.

Daquele elenco o Cruzmaltino também conseguiu, em tese, "lucrar" com o lateral direito Nathan, que sequer chegou a jogar no profissional. Ele foi vendido para o Boavista (POR) por cerca de R$ 6,8 milhões, mas o clube português não cumpriu o pagamento e o Vasco ingressou com uma ação na Fifa cobrando os valores. A entidade máxima do futebol aplicou um "transfer ban" na agremiação lusitana, impedindo que ela exerça qualquer contratação enquanto não quitar a pendência.

Outro caçula daquele time, o lateral esquerdo Riquelme despontou na frustrante campanha da Série B de 2021, quando a equipe não obteve o acesso, mas o jovem foi um dos poucos que se salvaram. Talentoso, ele é uma das esperanças para esta temporada e é constantemente monitorado por clubes europeus.

Numa prateleira abaixo está o volante Bruno Gomes. Assim como Riquelme, coleciona passagens por seleções brasileiras de base, mas apesar de já acumular 74 jogos no profissional, ainda vive altos e baixos. O jovem, porém, também é outro no radar de equipes do Velho Continente.

Mais oito já saíram.

Do elenco vice-campeão da Copinha de 2019, oito jogadores já deixaram o Vasco — além de Talles Magno e Nathan, vendidos. E nenhum deles despontou até o momento.

O lateral Coutinho está no Nova Venécia (ES); o zagueiro Alan, no CRB; o também zagueiro Gabriel Norões — que perdeu um pênalti naquela decisão — atuou pela última vez no Barra da Tijuca (RJ), em 2020; o meia Linnick está no Grêmio Anápolis (GO); o lateral esquerdo Alexandre Melo pertence ao Cuiabá, mas atuou emprestado ao CRB, em 2021; o meia Pederzoli está no Hercílio Luz (SC); o atacante Werick, no Miedz Legnica-POL; e o também atacante Ramon, no São Gonçalo-RJ.

Cinco estão fora dos planos.

Em comunicado oficial sobre a pré-temporada de 2022, o Vasco informou que entre os jogadores fora dos planos há cinco que fizeram parte do plantel vice-campeão da Copinha de 2019.

Considerado o principal destaque daquela campanha, o meia Lucas Santos negocia sua rescisão de contrato. Sem apresentar o mesmo futebol no profissional, o jovem foi emprestado ao CSKA, da Rússia, e na última temporada defendeu o Brasil de Pelotas, também sem brilho.

O atacante Tiago Reis, vice-artilheiro daquela Copinha, treinará em horários alternativos enquanto o Vasco tenta cedê-lo para um novo empréstimo. Ano passado ele atuou no Confiança e não se destacou. Situação parecida vive o lateral direito Cayo Tenório, que chegou a ser titular em alguns jogos de 2021, mas está fora dos planos do técnico Zé Ricardo.

Já o volante Caio Lopes e o atacante João Pedro, que terão seus contratos encerrados em janeiro, não terão os respectivos vínculos renovados.

Capitão daquele elenco está suspenso por doping.

Capitão daquela equipe, o zagueiro Miranda está suspenso por doping pela Conmebol. Ele foi flagrado com uma substância diurética proibida na partida contra o Defensa y Justicia (ARG) pela Copa Sul-Americana de 2020.

No comunicado de ontem, o Vasco informou que "fez uma proposta para extensão do vínculo contratual, como foi prometido no ano passado, porém ainda aguarda uma resposta do atleta".

Os quatro goleiros estão no profissional.

Os quatro goleiros da campanha do vice-campeonato da Copinha de 2019 estão relacionados para a pré-temporada do Vasco de 2022: Lucão, Alexsander, Halls e Fintelman. Porém, como o clube contratou para este ano Thiago Rodrigues, ex-CSA, existe a possibilidade de um deles ser negociado.

O reforço, no entanto, testou positivo para a Covid-19 e não poderá iniciar os trabalhos no CT Moacyr Barbosa. Ele se apresentará agora somente no dia 11, quando o Vasco fará a segunda etapa da pré-temporada no CT João Havelange, em Pinheiral (RJ).

Vinícius puxa fila na Copinha deste ano e tenta renascer.

A equipe sub-20 do Vasco embarcou ontem (3) para São Paulo em busca do bicampeonato da Copinha. Com estreia marcada para amanhã (5), às 11h, contra o Largarto (SE), pelo Grupo 24, a equipe do técnico Igor Guerra tem como principal expoente o atacante Vinícius, que foi vice na edição de 2019, surgiu como promessa, foi efetivado ao profissional, mas não conseguiu se firmar e retornou ao time de baixo.

Além dele, também fazem parte do elenco como jogadores já mais conhecidos do torcedor o também atacante Figueiredo e o volante Andrey, tratado como uma promessa das divisões de base.

O Grupo 24 conta ainda com Rio Claro (SP) e SKA Brasil (SP) e as partidas acontecerão no Estádio Municipal de Santana do Parnaíba (SP).

Por onde andam os vices de 2019?

Goleiros: Alexsander (profissional), Lucão (profissional), Halls (profissional) e Fintelman (profissional)

Laterais: Cayo Tenório (fora dos planos), Nathan (vendido para o Boavista-POR), Coutinho (está no Nova Venécia-ES) e Riquelme (profissional)

Zagueiros: Ulisses (profissional), Miranda (suspenso por doping), Alan (está no CRB) e Gabriel Norões (atuou pela última vez no Barra da Tijuca, em 2020)

Volantes: Bruno Gomes (profissional), Caio Lopes (fora dos planos), Linnick (está no Grêmio Anápolis-GO) e Alexandre Melo (pertence ao Cuiabá e atuou por empréstimo no CRB, em 2021)

Meias: Lucas Santos (fora dos planos), Laranjeira (profissional) e Pederzoli (está no Hercílio Luz-SC)

Atacantes: Tiago Reis (fora dos planos), João Pedro (fora dos planos), Vinicius (disputará a Copinha), Werick (está no Miedz Legnica-POL), Ramon (está no São Gonçalo-RJ) e Talles Magno (vendido para o New York City-EUA).

Fonte: UOL Esporte
  • Domingo, 28/11/2021 às 16h00
    Vasco Vasco 0
    Londrina Londrina 3
    Campeonato Brasileiro - Série B Estádio do Café
  • (26/01 - Qua) ou (27/01 - Qui)
    Vasco Vasco
    Volta Redonda Volta Redonda
    Taça Guanabara Raulino de Oliveira
  • (29/01 - Sáb) ou (30/01 - Dom)
    Vasco Vasco
    Boavista Boavista
    Taça Guanabara São Januário
  • (02/02 - Qua) ou (03/02 - Qui)
    Vasco Vasco
    Nova Iguaçu Nova Iguaçu
    Taça Guanabara São Januário
  • (05/02 - Sáb) ou (06/02 - Dom)
    Vasco Vasco
    Madureira Madureira
    Taça Guanabara Conselheiro Galvão
  • (09/02 - Qua) ou (10/02 - Qui)
    Vasco Vasco
    Portuguesa Portuguesa
    Taça Guanabara São Januário
  • (12/02 - Sáb) ou (13/02 - Dom)
    Vasco Vasco
    Botafogo Botafogo
    Taça Guanabara Maracanã