Jogadores e departamento de futebol ajudaram a escolher novas camisas

26/02/2019 às 22h52 - CLUBE

Expresso 1898‏ @expresso_1898 25

O que apuramos dos novos uniformes, em contato com fontes ligadas ao MKT:

- As cores cítricas foram escolhidas por serem uma tendência no futebol mundial, a exemplo do Barcelona, City, Tottenham

- Alguns jogadores e membros do departamento de futebol participaram da escolha.

- O desenho dos uniformes é do departamento de criação do MKT, o mesmo que elaborou as elogiadas camisas 1 e 3. A Diadora acompanha, mas esse processo se tornou interno

- Sobre a semelhança com os do rival a justificativa é a mesma: tendência do mercado

Segue a apuração:

- A ausência da Cruz-de-Malta passa pela forma monocromática do uniforme. Em cor vermelha, não traria uma estética bacana

- Alterar qualquer detalhe na Cruz não foi sequer cogitado. Eis a opção pelo CRVG, como marca consagrada e naturalmente associada ao Vasco

Finalizando sobre os uniformes:

- Apesar das críticas iniciais, o pessoal acredita que, quando as camisas forem utilizadas pelos atletas e vistas pessoalmente, se tenha outra impressão

- Vale destacar uma curiosidade: a camisa de treino 2018 terminou como uma das mais vendidas

Fonte: Twitter Expresso 1898‏