Jorginho chora a morte de Thalles: "pedia para não andar de moto"

22/06/2019 às 11h24 - FUTEBOL

Jorginho foi o principal técnico da curta carreira de Thalles, falecido na manhã deste sábado, envolvido em um acidente de trânsito em São Gonçalo, Região Metropolitana do Rio. E o atacante foi um dos maiores desafios da carreira do treinador, atualmente à frente da Ponte Preta. 

Os dois trabalharam juntos no Vasco, entre agosto de 2015 e dezembro de 2016. Em Campinas, voltaram a se reencontrar. Thalles foi contratado pela Ponte Preta em janeiro e no mês seguinte o técnico chegou. Muito emocionado, Jorginho lembrou que sempre fazia um pedido para o jogador: 

- Eu tinha o Thalles como um filho. Tive muitas conversas com ele. Uma delas, era para que não andasse de moto (Thalles estava sobre uma moto no acidente). Estou com o coração dilacerado, mas orando muito para que Deus console o coração de toda a família. 

O momento mais doce da relação ocorreu no fim de 2016, quando Thalles, ja com problemas de peso, foi a salvação para o Vasco confirmar o retorno à Primeira Divisão. A equipe caiu de produção na reta final da Série B e perigava não subir. Jorginho recorreu ao atacante, que marcou cinco gols nos últimos sete jogos da competição, incluindo dois na última rodada. 

O mais duro foi em outubro de 2015. Na luta para evitar o rebaixamento, o treinador não conseguia contar com o atacante devido aos problemas fora de campo e à má forma física. Sempre moderado, Jorginho levantou a voz numa entrevista coletiva, ao comentar a dificuldade para escalar o ataque: 

- Temos o Thalles também (para a posição), que estou cansado de cobrar. Estou de saco cheio já. Deveria ter vindo para treinar e não veio. Então... eu acredito no Leandrão, e vamos contar com ele lá na frente - afirmou na época. 

Thalles tinha 24 anos e deixou quatro filhos. Fez sua estreia pelo profissional do Vasco em 2013, com 17 anos. Seguiu no clube até 2017. Em 2018 foi emprestado ao Albirex Niigata, do Japão. Este ano, o clube de São Januário novamente o emprestou, só que para a Ponte Preta. 

Foto: Reprodução/InternetJorginho e Thalles
Jorginho e Thalles

Fonte: Extra Online