Jornalista resume começo de ano preocupante do Vasco

12/03/2020 às 23h34 - IMPRENSA

Esse é o Vasco 2020: um clube sucateado fora de campo, que deve funcionários até o talo, jogadores quase na mesma linha, com um colégio sem livros para atletas estudarem. Um Vasco que mais uma vez errou no planejamento de futebol e tudo isso é refletido na torcida.

Uma torcida que deu mais uma demonstração de amor virando o clube com mais sócios do Brasil, que está construindo um CT, mas que infelizmente tem elementos políticos que gera briga entre as próprias pessoas que vestem a cruz de malta.

O Campello errou segurando o Valentim de 2018 para 2019 e o Vasco foi eliminado da Copa do Brasil. Custou caro. O Campello trouxe o Abel e o time faz um ano horroroso. A gestão de futebol do Gigante da Colina só não se perdeu quando teve Luxemburgo dando seus pitacos. Custa caro.

É de dar dó ver o que essa torcida passa há anos. Um desrespeito. O Vasco tem 13 jogos e NENHUMA boa atuação em 2020. Insustentável continuar com o desempenho praticado. É assassinar o ano, que já começou morto. Estão quebrando as pernas de um gigante. Pobre Vasco.

Fonte: Twitter do jornalista Lucas Pedrosa