Futebol

Juan Arciniegas se diz satisfeito com montagem do elenco vascaíno

Marca Vasco da Gama. Este foi um termo bastante usado na viagem do time pelos Estados Unidos nos últimos dias. Afinal, a experiência fora do Brasil foi uma grande oportunidade para o clube expandir seu nome longe do Rio de Janeiro. E esse é um dos grandes focos da 777 Partners, junto com o investimento em elenco e na estrutura do futebol.

Em papo exclusivo com o ge, o diretor administrativo e chefe da divisão de Esportes, Mídia e Entretenimento da 777, Juan Arciniegas, ressaltou a importância de trazer o Vasco para a Flórida e o interesse da empresa americana em fazer o clube ainda mais conhecido fora do Brasil.

- O Vasco é conhecido em vários círculos futebolísticos ao redor do mundo, mas acreditamos que pode ser uma marca global por tudo o que representa. Queremos que o mundo conheça a relevância do clube para o futebol do Brasil e do mundo - afirmou Juan.

- Certamente existem muitas oportunidades para o Vasco expandir sua marca além do Brasil, mas viagens como essas também são importantes para ajudar o Vasco a ter sucesso também no Brasil. Ter acesso a diferentes instalações de treinamento, competir contra diferentes rivais em um ambiente diferente e aproveitar esse momento para se unir fora de casa só pode ajudar o time a começar a temporada no Brasil - acrescentou o executivo.

Entre os planos da 777 para expansão da marca está juntar o Vasco com as outras equipes que a empresa possui, como Genoa (Itália), Standard Liège (Bélgica), Red Star (França), Hertha Berlin (Alemanha) e Melbourne Victory (Austrália). O grupo americano ainda tem participação minoritária no Sevilla, da Espanha.

Viagens como esta pré-temporada nos EUA são uma forma de aproximar o clube do público internacional. Nos últimos dias, o elenco teve contato com jornalistas e torcedores locais, além de ter proporcionado aos vascaínos que moram no país o reencontro com o time. Nesse sentido, o Vasco aproveitou para promover ações e criar conteúdo que ajudam a internacionalizar a marca, como a venda de camisa na loja do Inter Miami no amistoso do último sábado.

Mais do que isso, o Vasco foi exposto a uma estrutura de primeira geração em Orlando, no Explora Stadium, e principalmente em Fort Lauderdale, nas instalações do Inter Miami. Sobre a expectativa por investimento no CT Moacyr Barbosa e em São Januário, Juan Arciniegas argumenta que é um projeto para ser desenvolvido no longo prazo, apesar de o centro de treinamentos do clube já ter sofrido transformações pontuais para facilitar o trabalho da comissão técnica.

- Um dos grandes aspectos de viagens como essa para fora do Brasil é justamente essa troca de conhecimentos e experiências. Com certeza podemos levar muitas coisas que vimos e vivemos do Inter Miami e por onde passamos. Já demos muitos passos para ajudar o Vasco a crescer, dentro e fora de campo. Mas este é um processo de longo prazo e algumas coisas levarão mais tempo do que outras. Estamos trabalhando duro para garantir que o Vasco tenha um futuro brilhante.

O Vasco deixou os Estados Unidos neste domingo após uma pré-temporada de oito dias na Flórida. Foi uma semana intensa de trabalho para o técnico Maurício Barbieri, o diretor esportivo Paulo Bracks e o CEO Luiz Mello, que foi o representante do clube nos encontros com a 777.

Leia mais sobre a entrevista com Juan Arciniegas:

ge: Depois de alguns anos, o Vasco voltou a fazer parte da sua pré-temporada fora do Brasil. O que esta viagem para os EUA significa para a 777 em termos esportivos e institucionais?

Juan Arciniegas: Jogar fora do Brasil é uma grande oportunidade para o Vasco expandir sua marca internacionalmente e apresentar o Vasco a novos públicos. O futebol está crescendo muito nos Estados Unidos com o crescimento da MLS, bem como aumentou o interesse no futebol mundial por parte dos torcedores nos Estados Unidos.

O futebol tem entrado cada vez mais na vida dos torcedores em toda a América do Norte, exemplo disso é que os EUA tiveram recorde de audiência na Copa do Mundo. Então posicionar o Vasco nesse mercado é importante pelo seu potencial de longo prazo. Além disso, esta foi uma grande oportunidade para o novo elenco viajar e jogar junto pela primeira vez, enquanto conhecia outros jogadores, clubes, instalações e cultura juntos.

Os últimos dias marcaram encontros entre executivos do clube e da empresa. O que saiu dessas reuniões? Falaram, por exemplo, sobre investimento? Quais novidades o Vasco vai levar na volta para o Brasil?

As reuniões organizadas pelo 777 esta semana envolveram pessoas de todo o nosso portfólio, sendo o esporte apenas uma peça. Foi uma oportunidade para todos nós compartilharmos ideias e aprendermos uns com os outros, bem como passar um tempo juntos pessoalmente, solidificando nossos relacionamentos. Para os executivos do Vasco, foi uma oportunidade de conhecer e trocar ideias com seus colegas dos nossos outros clubes, bem como das demais empresas nas quais estamos envolvidos.

A 777 mudou de imediato a realidade do clube, que já investiu quase 16 milhões de euros em contratações de jogadores. Em questão de investimento no elenco, o que dá para esperar ainda? A contratação de grandes jogadores também é um passo para a valorização da marca?

Estamos muito orgulhosos da equipe que Paulo Bracks montou com a ajuda de nossa equipe de profissionais de nível mundial. Adotamos uma abordagem muito cuidadosa, impulsionada pelos melhores dados e análises, para identificar jogadores que incorporam todas as características que priorizamos e acreditamos que colocarão o Vasco em posição de ser competitivo nesta temporada.

Entendemos que muitos torcedores estão interessados ​​no valor do investimento que é gasto no plantel, mas acreditamos que o mais importante é identificar os jogadores certos que trabalharão melhor juntos como equipe.

Como está sendo a avaliação a respeito do trabalho de Paulo Bracks e Luiz Mello no Brasil?

São dois grandes profissionais que entregaram ao Vasco exatamente o que esperávamos deles e exatamente o que o clube merece. Tanto Bracks quanto Mello contam com a confiança e o apoio de todos nós da 777 para desenvolver o projeto pensado para o Vasco. Profissionalismo e dedicação sempre foram a preocupação central da 777 para a gestão do Vasco e, com certeza, os dois dirigentes agregam muito a esses valores.

Fonte: ge
  • Quarta-feira, 25/01/2023 às 21h10
    Vasco Vasco 2
    Portuguesa Portuguesa 0
    Taça Guanabara Luso-Brasileiro
  • Segunda-feira, 30/01/2023 às 20h00
    Vasco Vasco
    Volta Redonda Volta Redonda
    Taça Guanabara Kleber Andrade
  • Quinta-feira, 02/02/2023 às 19h00
    Vasco Vasco
    Resende Resende
    Taça Guanabara São Januário
  • Terça-feira, 07/02/2023 às 21h10
    Vasco Vasco
    Nova Iguaçu Nova Iguaçu
    Taça Guanabara Mané Garrincha
  • Domingo, 12/02/2023 às 18h00
    Vasco Vasco
    Fluminense Fluminense
    Taça Guanabara Maracanã
  • Quinta-feira, 16/02/2023 às 20h30
    Vasco Vasco
    Botafogo Botafogo
    Taça Guanabara Maracanã
  • (25/02 - Sáb) ou (26/02 - Dom)
    Vasco Vasco
    Boavista Boavista
    Taça Guanabara São Januário