Juniores: Vasco empata com o Botafogo e é eliminado na Taça GB

28/02/2018 às 17h48 - FUTEBOL

A equipe sub-20 do Vasco da Gama foi até o CEFAT, em Niterói, na tarde desta quarta-feira (28/02), para enfrentar o Botafogo. A partida válida pela semifinal da Taça Guanabara terminou com igualdade no placar, em 1 a 1. O resultado foi favorável ao Alvinegro, que entrou em campo precisando apenas do empate para avançar para a decisão. Isso porque foi líder do Grupo B. O Cruzmaltino volta ao gramado na próxima quarta-feira, diante do Fluminense. 

O JOGO

Com a vantagem do empate para avançar para a decisão, o Botafogo optou por um jogo fechado nos primeiros minutos. O Vasco buscava suas oportunidades e, aos 12 minutos, após corte da defesa adversária, Dudu aproveitou a sobra e acionou Robinho. O atacante subiu pela direita e cruzou para a defesa do camisa 1 alvinegro. Mais tarde, aos 24, Hugo Borges lançou Marrony pela esquerda, que cruzou rasteiro e viu a zaga do Botafogo afastar o perigo. 

Aos 36 minutos, em mais uma subida perigosa de Marrony, após passe do zagueiro Miranda, o Gigante da Colina levou a melhor. O atacante carregou a bola pela esquerda, até a linha de fundo, e bateu cruzado. A redonda passou pelas mãos do goleiro e foi parar no fundo da rede: VASCO 1 a 0. Os donos da casa descontaram, na sequência: Botafogo 1 a 1. Mas foi do Vasco a chance da virada, quando uma bomba saída dos pés de Marrony explodiu no travessão.

Na volta para a segunta etapa, o Vasco incendiou a partida. Logo aos dois minutos de bola rolando, Lucas Santos acionou Marrony na entrada da área. Ele avançou e chutou forte, mas o goleiro alvinegro estava atento no lance para afastar o perigo. Na sequência, após jogada de Coutinho, Lucas Santos mandou de cabeça por cima do gol adversário. O Botafogo respondeu, em tentativa de finalização de fora da área, mas Alex apareceu para ficar com a redonda.

Antes da parada técnica, aos 18, Lucas Santos e Cayo Tenório fizeram bela jogada pela esquerda. O atacante viu Hugo Borges bem posicionado e deu o passe, ele chutou forte e o camisa 1 do Botafogo precisou se esticar para tirar a bola. O Gigante da Colina seguia criando boas oportunidades e dando trabalho ao goleiro adversário, que tinha o perigo rondando sua área com frequência. 

Escalação do Vasco: Alexander, Cayo Tenório (Léo Reis), Miranda, Caio Marcelo e Coutinho; Bruno Ritter, Rodrigo (Pedro) e Dudu; Hugo Borges, Lucas Santos e Marrony (Pederzoli). Técnico: Marcus Alexandre. 

Fonte: Site oficial do Vasco

Enquete

Você é favorável ao retorno de Antônio Lopes no cargo de dirigente?

Deixe seu comentario