Futebol

Lisca: 'Não exigimos muito do Volpi'

Técnico elogia agressividade, circulação de bola e combinações em parte do jogo, e afirma que ainda há chances de tentar vaga na Copa do Brasil. 

Depois de conhecer sua primeira derrota sob o comando do Vasco, o técnico Lisca elogiou a postura organizada de seus jogadores na derrota por 2 a 0 para o São Paulo, mas não deixou de apontar que, diferentemente da estreia com goleada na Série B, faltou desempenho ofensivo ao Cruz-Maltino no Morumbi.

“Ficam muitas lições, muitas situações da partida. Tivemos situações bem positivas de agressão, circulação de bola e combinações interessantes. Equilibramos o jogo no segundo tempo, tivemos oportunidade de empatar no segundo tempo, mas faltou a contundência ofensiva. Não exigimos muito do Volpi, erramos nas escolhas e no penúltimo passe. Isso foi predominante na partida”, avaliou o treinador após o duelo na capital paulista:

“Tivemos boa posse, bons chutes com Jabá e Marquinhos, mas hoje (quarta-feira) realmente não conseguimos transformar o nosso volume e ímpeto ofensivo em situações mais claras. Tanto que o Volpi não teve nenhuma defesa mais difícil. Também houve vários chutes em que não conseguimos acertar na meta. E acho que isso foi fundamental para o nosso placar ter terminado zerado. Mas não deixamos de ter ambição com as nossas possibilidades. Faltou a gente ser bem mais eficaz. Talvez tenhamos criado boas situações para definir, mas precisamos ser mais assertivos nos detalhes. Acho que a nossa qualidade na hora da definição deixou a desejar, e isso foi determinante para o resultado de 2 a 0”.

Mesmo precisando virar a chave para o clássico contra o Botafogo pela Série B, Lisca não vê a desvantagem de dois gols como definitiva e considera que a vaga para as quartas de final da Copa do Brasil está em aberto.

“O primeiro tempo foi aqui, eles estão com vantagem de 2 a 0. Precisamos com calma voltar para o jogo, diminuir a diferença para depois tentar a igualdade. Nosso foco passa a ser o jogo com o Botafogo, precisamos de calma. Depois do jogo com o Botafogo pensaremos no São Paulo para buscar pelo menos a igualdade de buscar a vaga nas quartas de final”, afirmou.

Com o resultado negativo fora de casa, o Vasco precisa de três gols na próxima quarta-feira (4/8), às 21h30, em São Januário, para avançar às quartas de final da Copa do Brasil no tempo normal. Qualquer vitória do time carioca por dois gols leva a decisão para os pênaltis. Antes disso, a equipe terá pela frente o clássico contra o Botafogo, no sábado, às 21h, pela Série B.

Fonte: Jogada 10
  • Domingo, 28/11/2021 às 16h00
    Vasco Vasco 0
    Londrina Londrina 3
    Campeonato Brasileiro - Série B Estádio do Café
  • (26/01 - Qua) ou (27/01 - Qui)
    Vasco Vasco
    Volta Redonda Volta Redonda
    Taça Guanabara Raulino de Oliveira
  • (29/01 - Sáb) ou (30/01 - Dom)
    Vasco Vasco
    Boavista Boavista
    Taça Guanabara São Januário
  • (02/02 - Qua) ou (03/02 - Qui)
    Vasco Vasco
    Nova Iguaçu Nova Iguaçu
    Taça Guanabara São Januário
  • (05/02 - Sáb) ou (06/02 - Dom)
    Vasco Vasco
    Madureira Madureira
    Taça Guanabara Conselheiro Galvão
  • (09/02 - Qua) ou (10/02 - Qui)
    Vasco Vasco
    Portuguesa Portuguesa
    Taça Guanabara São Januário
  • (12/02 - Sáb) ou (13/02 - Dom)
    Vasco Vasco
    Botafogo Botafogo
    Taça Guanabara Maracanã