Maxi López cai nas graças da torcida e do grupo

16/10/2018 às 08h26 - FUTEBOL

O atacante Maxi López caiu de vez nas graças do torcedor vascaíno. A bela partida diante do Cruzeiro evidenciou a sua importância para o Vasco. Em 12 jogos, o time fez 12 gols e 10 teve a participação do argentino. Maxi López marcou cinco, contribuiu com quatro assistências e fez o lindo corta-luz para o gol de Yago Pikachu, que abriu o placar diante da equipe mineira. Apenas os gols sobre o Bahia não não passaram pelos pés do centroavante. Aproveitando a boa fase, Maxi López espera contribuir ainda mais e quem sabe conquistar uma vaga na Copa Sul-Americana de 2019.

“Estou muito bem, ajudando no ataque, sendo o ponto de referência lá na frente. Quero continuar nessa sequência boa e fazer ainda mais para tirar o Vasco desse momento delicado e chegar à Copa Sul-Americana”.

O momento de Maxi López é de fato muito bom, tanto que o jogador fez gols nos últimos três jogos. Empates contra Paraná e Botafogo, e na vitória diante do Cruzeiro. Caso faça gol diante do Sport, no próximo sábado, o argentino vai igualar o seu recorde na carreira. Pelo Catania, na temporada 2009/10, Maxi López marcou seguidamente em quatro partidas do Campeonato Italiano. Duas vezes contra o Palermo e um diante do Milan, Siena e Livorno. Se depender do histórico de Maxi López contra o Sport, o atacante possui boas chances de alcançar essa marca. Atuando pelo Grêmio em 2009, o argentino marcou dois gols no empate por 3 a 3, no Estádio Olímpico.

Maxi lópez e os elogios internos

Não é só o torcedor vascaíno que se rendeu ao talento de Maxi López. Dentro do elenco é consenso de que o argentino é diferenciado, principalmente pela finalização certeira. Yago Pikachu, artilheiro do Vasco na temporada com 19 gols, afirmou que o time precisa fazer a bola chegar no atacante, já que a chance de gol é de 90%.

“A gente sabe que ele é um jogador que precisa receber a bola. A gente comenta que se deixar ele finalizar, é 90% de chance de gol. Jogador muito importante, está nos ajudando muito e a gente tem que jogar um pouco ao lado dele para fazer essa bola chegar com qualidade, porque quando chega coisas boas podem acontecer”.

O técnico Alberto Valentim também é só elogios a Maxi López. Para o treinador, a experiência adquirida na Europa faz muita diferença no futebol brasileiro, prevendo que o jogador ainda vai ajudar ainda mais o Vasco em campo.

“O Maxi ficou nove anos na Europa jogando em alto nível. É isso que a gente espera dele. Segura a bola, orienta os jogadores quando estamos atacando. Ele está nos ajudando muito, tem muita qualidade, personalidade e ainda vai nos ajudar muito até o final do campeonato”.

Foto: Rafael Ribeiro/Vasco.com.br Maxi López
Maxi López

Fonte: Esporte24Horas