Maxi López é o atleta mais efetivo do 2º turno do Brasileirão

24/11/2018 às 13h07 - FUTEBOL

Não é nenhum exagero afirmar que o Vasco da Gama fez a principal contratação de um clube brasileiro no segundo semestre de 2018. Anunciado em julho após uma trajetória de sucesso no futebol europeu, incluindo a conquista da Uefa Champions League, Maxi López estreou no dia 12 de agosto, em São Paulo, diante do Palmeiras, e desde então nenhum outro jogador produziu mais que ele na principal competição nacional.

Foto: Rafael Ribeiro/Vasco.com.brMaxi López em ação contra o São Paulo na Colina
Maxi López em ação contra o São Paulo na Colina

Em 17 jogos pelo Gigante da Colina, o experiente argentino balançou as redes sete vezes e deu seis assistências, além de um maravilhoso corta-luz para um importante tento anotado por Yago Pikachu contra o Bahia. Os números são superiores ao dos principais destaques do Brasileirão, casos, por exemplo, do artilheiro santista Gabriel, do condutor palmeirense Dudu e do selecionável gremista Éverton.

- Quando eu cheguei, a torcida logo começou a dar moral pra mim, um carinho incrível, então teria que devolver de algum jeito, fazendo gols, tentando ajudar o time, tirando ele do momento ruim. Acho que estou conseguindo. A bola não chegou tanto para mim nessa última partida, mas tenho mostrado dentro de campo que também consigo dar assistência para os companheiros. O importante não é se o Maxi, o Yago ou Thiago vão marcar gols, mas sim o Vasco ganhar, ficar com os três pontos, sair o quanto antes desse sufoco. Estou muito feliz com minha vida no Brasil, com a chance de jogar nesse time, de estar perto dessa torcida maravilhosa e de um grupo fantástico - comentou o camisa 11.

A importância de Maxi López para o Vasco da Gama vai muito além da contribuição efetiva dentro das quatro linhas. Longe das câmeras, no vestiário, na concentração e nos locais de treinamento, o centroavante tem sido uma espécie de conselheiro para os atletas mais jovens. O objetivo do camisa 11 é ajudar no crescimento das promessas cruzmaltinas para que elas se tornem peças importantes na reconstrução do Gigante. 

- Eu tento ajudar. Quando era mais novo, alguns jogadores importantes me ensinaram a sempre dar o máximo em campo, e agora tento sempre passar minha experiência para esses garotos. Quero ajudá-los a crescer para que eles possam recolocar o Vasco no lugar que ele merece. Ainda falta um passinho para afastarmos de vez o perigo e encerrarmos o campeonato da maneira possível. Queremos fazer isso para começar a buscar algo mais importante para o próximo ano - afirmou Maxi López, que acredita em boa exibição vascaína neste domingo (25), às 17 horas, diante do líder Palmeiras.

- Demonstramos muita vontade e muita raça contra o São Paulo. Eu acho que nossa torcida ficou contente porque deixamos tudo dentro de campo e ganhamos de um time que joga muito bem, que possui bons jogadores. Essa vitória nos deixou um pouco mais tranquilos. Demonstramos que jogar contra o Vasco em São Januário é difícil para qualquer equipe. O Palmeiras é um time muito bom, que pode ser campeão e possui jogadores de alto nível, mas vamos fazer de tudo para que isso aconteça somente lá em São Paulo - finalizou o talentoso argentino.

 

Fonte: Site oficial do Vasco

Mercado

Não Confirmado

Você aprova a saída de Rafael França?

Especulações Mercado