Milésimo talvez, centésimo com certeza!

21/03/2007 às 04h01 - FUTEBOL

Quando o Vasco entrar em campo na Quarta-feira, dia 14, contra o Gama-DF, pela Copa do Brasil, buscando um dos poucos títulos que ainda não tem em sua extensa sala de troféus, estará realizando seu centésimo jogo pela competição.

De 1989 a 2007, foram 17 participações (em 1990 e em 2001 o Vasco não participou, provavelmente por estar disputando a Taça Libertadores), com 99 jogos, sendo 50 vitórias (pouco mais de 50%), 29 empates (pouco mais de 29%) e 20 derrotas (pouco mais de 20%), com 188 gols pró (quase 2 por jogo) e 111 contra (pouco mais de 1 por jogo), ou seja, 77 de saldo.

O adversário contra quem o Vasco mais jogou na competição foi o Cruzeiro com 8 jogos, 0 vitórias, 4 empates e 4 derrotas, marcando 7 gols e sofrendo 16 gols.

Os principais artilheiros do Vasco são Valdir com 14 gols, Romário com 12 gols e Luizão com 8 gols, seguidos de Valdiram, Ramon e França, todos com 7 gols.

Carlos Germano foi o jogador que mais vezes atuou com 40 jogos, seguido de Luisinho com 31 e Valdir com 29 jogos.

Felipe e Pedrinho foram os mais indisciplinados, sendo expulsos 3 e 2 vezes respectivamente.

Antônio Lopes dirigiu o Vasco em 26 jogos, Joel Santana dirigiu o Vasco em 18 oportunidades e Renato Gaúcho em 14.

39 Jogos foram disputados em São Januário com apenas 5 derrotas Vascaínas. No Maracanã foram 11 jogos com 4 derrotas Vascaínas.

As maiores goleadas a favor:

8 x 0 Picos-PI - 10/02/1998
7 x 0 Botafogo-PB - 22/02/2006

As maiores goleadas contra:

2 x 6 - Cruzeiro-MG - 28/03/1996
0 x 5 - Corinthiais-SP - 31/05/1995
0 x 4 - São Paulo-SP - 17/04/2002

Fontes adicionais: Jornal A Gazeta De Vitória, Marcelo Giovane Spoladore, Jornal Do Brasil, http://www.ibracrvg.hpg.ig.com.br/ e Lancenet.

Fonte: SUPERVASCO.COM