Moreira revela o que motivou escolha da diretoria por Ricardo Sá Pinto

15/10/2020 às 13h25 - FUTEBOL

José Luis Moreira diz que temor por novo rebaixamento impulsionou a busca pelo português e rasgou elogios a escola de treinadores lusitana

O Vasco da Gama espera o desembarque do novo treinador, o portuguêse Ricardo Sá Pinto, na noite desta quinta-feira (15). O novo comandante fechou contrato até o final do Campeonato Brasileiro e a chegada de um português era um dos sonhos da diretoria, que tentou contratar Jorge Jesus em 2019. 

Em entrevista à RTP Notícias, de Portugal, o vice-presidente do Vasco, José Luís Moreira, revela, inclusive, que o ex-treinador do Flamengo sempre teve vontade de comandar o Cruzmaltino. 

"Sou amigo do Jorge Jesus há mais 20 anos, eu conheço a história do Jorge, o Jorge sempre teve o desejo de treinar o Vasco da Gama e isso ficou na minha cabeça: vou trazer um português como eu já trouxe jogadores também. Lá atrás, eu trouxe Dominguez". 

O vice-presidente também disse que um dos motivos para buscar Sá Pinto foi o medo de um novo rebaixamento

"A gente assustado para não ver o Vasco na segunda divisão, resolveu mudar, a gente não pode esperar o mal acontecer para tomar as providências, tem que ser rápido, futebol é velocidade". 

Por fim, Moreira rasgou elogios a escola de portuguesa de treinadores e o elo entre Vasco da Gama e Portugal. 

"A escola portuguesa de treinadores é uma das melhores do mundo hoje. Temos excelentes treinadores no Brasil, mas com certeza é uma experiencia muito boa para nós se tratando de treinador portugues. A maior colônia que Portugal tem é o Vasco da Gama". 

Fonte: Goal.com