"Ninguém pode se dizer surpreso com mais este golpe", declara jornalista

11/01/2018 às 21h30 - FUTEBOL

Gilmar Ferreira‏ @gilmarferreira 

Me intressa saber se alguém da nova diretoria já se preocupou procurar o jovem Matheus Vital? Será que em vez da besteira de almoçar com Eto’o houve quem se preocupasse em tomar um café com os jovens do clube? Neste momento, só o vascaíno Vital pode dizer: eu não quero ir...

Criado em São Januário onde chegou criança, Vital é mais vascaíno que o ditador, e bem mais honesto do que esperto que viu cair no colo a chance de administrar a carreira do jovem jogador. É preciso que a nova diretoria se preocupe em mostrar a Vital o que estão fazendo com ele.

Sei que Julio Brant deixou a cargo de Felipe o contato com os jogadores. Sei que Alexandre Campello já tentou convencer a Carlos Leite de que os acordos firmados pelo ditador serão honrados pela nova gestão; e sei tb que advogados tentam meios jurídicos para evitar a pilhagem...

Mas, independentemente dos valores dos jogadores que estão sendo subtraídos do patrimônio do Vasco, é preciso que a torcida enxergue de uma vez por todas a verdadeira face de um ditador que sempre fez do clube um meio de vida. Ninguém pode se dizer surpreso com mais este golpe...

Fonte: Twitter de Gilmar Ferreira

Enquete

Você é favorável ao retorno de Antônio Lopes no cargo de dirigente?

Deixe seu comentario