Otávio ficou impressionado com a altura de Martín Silva

24/07/2018 às 08h16 - FUTEBOL

Até domingo, a maior emoção do piauiense Naildo Coelho, como torcedor do Vasco, foi a histórica virada sobre o Palmeiras na final da Mercosul de 2000, que viu pela televisão. Mas, no último fim de semana, esse funcionário público de Paulistana, de 41 anos, saboreou duas experiências inéditas: viu o mar e foi a São Januário.

— Foi um sonho realizado, fico até emocionado de falar. Agradeço a Deus e ao meu filho, por ter me levado também, só fui ao Vasco por causa dele — disse, por telefone, o torcedor, que foi acompanhado do pequeno Otávio, de 10 anos.

E foi justamente o caçula um dos principais responsáveis pelo fim de semana inesquecível. Mês passado, ele posou com uma camisa improvisada com cartolina e cola. O irmão mais velho, Mateus, de 18, fotografou, colocou na internet e logo chegou ao conhecimento do clube.

— Quando vi, prometi a ele que lhe daria uma camisa oficial. Só que eu não sabia que Mateus já tinha divulgado a foto. Em três dias, um monte de gente começou a me ligar — divertiu-se Naildo.

O patriarca revelou que o caçula, à primeira vista, se assustou com a fama repentina.

— Quando a história viralizou, ele me disse: estou com medo, é muita gente. No jogo, ele ficou assustado e só no final se soltou um pouco.

Impressionado com o tamanho de Martín Silva

Após o fim de semana dos sonhos no Rio, Naildo e o filho Otávio chegaram às 6h de ontem a Paulistana. Fama repentina à parte, o caçula, que estuda na quinta série do Ensino Fundamental, não se cansou de agradecer os ‘parabéns’ dos conterrâneos na cidade piauiense.

O pequeno vascaíno, que joga como goleiro nas brincadeiras com os amigos, só mostrou alguma frustração ao notar que é bem mais baixo do que o goleiro titular da Colina. O pai ouviu do filho a pergunta se iria crescer como Martín Silva (1,87m). Respondeu que o caçula é muito novo.

— Otávio é sonhador demais, sonha muito. Depois da vitória alguns torcedores disseram que eu tinha levá-lo de novo, porque é pé-quente. Quando Henrique foi expulso, eu disse que o negócio ia ficar feio. Ele me disse: vamos ganhar'.

E, amanhã, certamente, acompanhado pela telinha pelo pé-quente Otávio e família, o Vasco estreia na Sul-Americana contra a LDU, em Quito. Ontem, o zagueiro Paulão rescindiu contrato com o time de São Januário.

Foto: Flickr Vasco Martín Silva
Martín Silva

Fonte: Extra

Mercado

Confirmado

Você aprova a saída do lateral Lenon?

Especulações Mercado