Pergunta do dia: Por que Eurico doou seus bens para os filhos?

04/03/2006 às 23h04 - POLÍTICA

Durante o Campeonato Brasileiro de 1997, o então vice-presidente de futebol do Vasco, Eurico Miranda, deu entrevistas, afirmando que a Parmalat (à época, patrocinadora do Juventude e do Palmeiras) teria interesse em combinar resultados e influenciar as arbitragens em favor de suas equipes. A multinacional processou o dirigente.

Depois de oito anos e meio, no último dia 21, a Justiça mandou expedir um mandado de penhora da casa em Angra dos Reis e da lancha de propriedade do atual presidente do Vasco. A decisão, claro, deu-se em primeira instância em razão dos recursos interpostos durante o processo. O fato relevante é que os referidos bens já tinham sido doados aos filhos de Eurico, decisão que foi cancelada pela Justiça, permitindo assim a penhora.

Fonte: -