Pikachu afirma ter bons números contra o Sport

18/10/2018 às 08h24 - FUTEBOL

Pikachu: "O Sport acho que foi uma das equipes que eu mais fiz gol na carreira. Estou com 79 gols, uns 10 foi contra o Sport. Desde o Paysandu, pela Copa do Brasil, sempre enfrentava. Sempre fui feliz de jogar em Belém e na Ilha. Espero manter isso aqui no Vasco". #gevas

Pikachu: "Ainda estamos buscando regularidade. Foram quatro empates seguidos. A gente vem procurando melhorar a cada jogo. Às vezes só empatar é ruim, porque o número de vitórias conta muito no critério de desempate". #gevas

Pikachu: "Até o 10º colocado está muito equilibrado em termos de pontuação. Uma vitória te põe lá em cima. Creio que vai ser até o final. Espero que o Vasco possa estar longe da zona e a gente possa aplicar uma sequência boa e, quem sabe, olhar para coisas melhores". #gevas

Pikachu, sobre mudanças no time: "Complica. É ruim você toda hora estar mudando. É ruim para o treinador, para o jogador que está saindo. A gente sabe que futebol não se faz apenas com 11 jogadores". #gevas

Pikachu: "Para o treinador é ruim não ter uma cara no time. Mas temos jogadores aparecendo, como o Bruno Ritter, que fez um jogo consistente. Todo mundo treinando, tenho certeza que vão dar seu melhor". #gevas

Pikachu, sobre Maxi: "Por ser argentino, é um cara brigador, não tem bola perdida. É um cara que quer ajudar da melhor maneira. Espero que não fique mais suspenso, porque pelos números que tem, se estivesse desde o início, não estaríamos nessa situação". #gevas

Foto: Vasco.com.br pikachu
pikachu

Fonte: Twitter do jornalista Felipe Schmidt/GloboEsporte.com