Polícia já tem suspeito de ter matado torcedor flamenguista na Serra

19/01/2009 às 13h54 - TORCIDA

A polícia já tem um suspeito de ter efetuado o disparo que matou o jogador de futebol Jean da Cunha, de 17 anos, neste domingo (18), após confronto entre torcedores vascaínos que se dirigiam para o amistoso do time contra a Desportiva, no Engenheiro Araripe, em Cariacica. Policias civis estão nas ruas para identificar o torcedor vascaíno e intimá-lo a prestar depoimento. Nesta segunda-feira (19), algumas testemunhas serão ouvidas, entre elas o motorista do ônibus que transportava os integrantes de uma torcida organizada do Vasco.

O titular da Delegacia de Crimes Contra a Vida da Serra, delegado Josafá da Silva, disse que além das trocas de agressão, houve tiroteio entre os grupos. \"Segundo o motorista do ônibus, ele parou no sinal, ocasião em que houve essa discussão entre o grupo que estava no ponto de ônibus e o pessoal que ocupava o ônibus de torcida. Eles discutiram e chegaram às vias de fato: um jogando pedra no outro e pedaços de pau. No meio dessa discussão, houve tiroteio.\"

De acordo com as investigações, no grupo que estava no ponto de ônibus para ir à praia, havia integrantes de uma torcida organizada do clube de maior rivalidade com o Vasco, o Flamengo. \"Os que estavam no ônibus são da Força Jovem do Vasco. Os que estavam no ponto de ônibus, de acordo com o que a gente apurou, são integrantes de uma torcida organizada do Flamengo\", disse o delegado Josafá da Silva.

Fonte: Gazeta On Line