Presidente do Vasco fala sobre situação financeira do clube

01/10/2019 às 20h47 - CLUBE

Atenção, Vascaínos! @AVascainos

"A questão de dinheiro tira nosso sono. O vascaíno precisa entender nossa real situação. Assumi o Vasco com uma receita e uma dívida três vezes maior. São dívidas de curtíssimo prazo. Tem solução? Tem, mas de 3 a 5 anos. E é o que está sendo feito"

"Em 2018, conseguimos diminuir 90 milhões a divida. Aumentamos de 200 para 260 milhões de receitas. A gente teve um superávit, mas ainda não foi o suficiente. Ainda temos um problema de caixa"

"Esse ano, o recurso da TV, que entrava no início do campeonato, foi empurrado para o fim. E ele praticamente não entram no caixa do clube. São todos desviados pelas penhoras. Nos reunimos com os credores para buscar sanar esse problemas e ajustar nas nossas contas" #CampellonoAV

"A gente está se reunindo com todos os credores. Mostrando como podemos pagar. Se devemos pagar 2 milhões, a gente oferece 1. Se aceitar, a gente quita. Quem quiser dar desconto, será pago"

"O patrocínio ajuda muito o clube, mas não resolve todos os problemas. O patrocinador master não paga todos os custos do clube. É uma quantia grande, mas não é todo o nosso gasto. A Caixa era mais uma fonte, mas o sócio torcedor é muito mais importante" #CampellonoAV

"Digo aos funcionários que a expectativa é que esse mês de outubro seja sanado esse problema de atrasos de salários. Estamos nos reunindo com o pessoal da TV para agilizar essas pendências" #CampellonoAV

Fonte: Twitter 'Atenção Vascaínos'