Relembre 10 "presentes de natal" que decepcionaram no futebol brasileiro

25/12/2017 às 12h10 - FUTEBOL

Sem grandes anúncios até o momento, o Natal de 2017 pode ser de vacas magras para os torcedores brasileiros. Se Papai Noel ainda não apareceu na temporada, nos últimos anos o bom velhinho, adiantado ou atrasado, deu as caras no futebol brasileiro.

Porém, por diversas vezes o que foi apresentado como reforço acabou decepcionando no decorrer da temporada. O GloboEsporte.com separou 10 jogadores que não terminaram o ano em clima de festa com os torcedores.

NATAL 2017

Escudero - Vasco

No Natal de 2016, o presidente do Vasco, Eurico Miranda, prometeu presente, fez suspense e anunciou, no dia 25, o argentino Damián Escudero, que estava no Puebla, do México. O meia, porém, acabou esquecido no fundo do baú, fazendo poucos jogos na temporada.

Montillo - Botafogo

Montillo foi anunciado pelo Botafogo três dias antes do Natal passado. Com boas passagens por Cruzeiro e Santos, o meia argentino estava no Shandong Luneng-CHI. Em seis meses, realizou apenas 17 jogos no Alvinegro, anunciando sua despedida em junho passado motivado pelas constantes lesões na temporada. Em novembro declarou que retornará ao futebol no próximo ano.

Neílton - São Paulo

O atacante Neilton foi anunciado pelo São Paulo nos dias anteriores ao Natal, após troca com o Cruzeiro envolvendo o volante Hudson. O jogador não ficou muito tempo no Tricolor, e em maio passado foi devolvido à Raposa, após atuações nada convincentes.

Grafite - Atlético-PR

Quando se aproximava o Natal do ano passado, o Atlético-PR bateu o martelo e anunciou o atacante Grafite, com contrato até o fim de 2017. Após apenas um gol em 24 jogos, em julho o jogador de 38 anos pediu a rescisão do contrato com o Furacão.

NATAL 2015

Damián Lizio - Botafogo

Papai Noel chegou um pouco adiantado no Botafogo em 2016. O presidente Carlos Eduardo Pereira confirmou, em 22 de dezembro, o acerto com o argentino naturalizado boliviano Damián Lizio, apesar de o anúncio oficial ter acontecido dias depois. A contratação estreou bem, com gol contra a Portuguesa, no Campeonato Carioca, mas não correspondeu mais em campo. As dores no púbis atrapalharam o meia, que pouco jogou no restante da temporada. O contrato terminou em 31 de dezembro, e ele deixou o Rio rumo ao Oriente Petrolero-BOL.

Sanchez Miño - Cruzeiro

O argentino Sanchez Miño, de 25 anos, foi revelado pelo Boca Juniors e estava no Estudiantes de La Plata, emprestado pelo Torino-ITA. O Cruzeiro negociou diretamente com o clube italiano, detentor dos direitos econômicos do meia, para acertar o empréstimo, que seria de um ano. vestiu a camisa do Cruzeiro em 19 oportunidades nesta temporada - 17 como titular - e marcou um gol. pediu para deixar o clube e voltar à Argentina no meio da temporada.

NATAL 2013

Leandro Damião - Santos

Apesar de todo o sucesso no Internacional, Leandro Damião não conseguiu deslanchar no Santos, que pagou, com ajuda do grupo Doyen Sports, 13 milhões de euros para contratá-lo. Foram apenas 11 gols em 44 jogos , com atuações muito contestadas.

Wellington Paulista - Internacional

Wellington Paulista, que disputou o Brasileirão de 2013 pelo Criciúma, chegou com status de bom presente no Colorado. No fim do ano, a queda de rendimento somada à falta de gols decepcionaram a direção. O atacante não balançou as redes uma vez sequer no segundo semestre de 2014.

Cristian - Corinthians

Quando pintou a possibilidade de Cristian retornar ao Corinthians, a torcida criou grande expectativa. Com um dos salários mais altos do clube, o volante não convenceu e teve poucas sequências de jogos como titular. Em 2017, foi afastado do elenco por não estar nos planos de Fábio Carille, e em setembro foi anunciado pelo Grêmio.

NATAL 2012

Alexandre Pato - Corinthians

As especulações de Pato no Timão começaram próximo ao Natal de 2012, o que deixou o torcedor animado. O presente demorou uns dias a mais para chegar, e a torcida chegou a acreditar que valeu a espera. O Corinthians pagou R$ 40,5 milhões pelo jogador, que assinou por 4 anos. No ano passado o vendeu ao Villarreal, da Espanha, por R$ 10,8 milhões. O prejuízo não foi apenas financeiro: Pato não vingou: em 2014 foi emprestado ao São Paulo, e em 2016 ao Chelsea.

Foto: Globo EsporteNatal sombrio: 10 "presentes" que decepcionaram nas últimas janelas
Natal sombrio: 10 "presentes" que decepcionaram nas últimas janelas

Fonte: GloboEsporte.com

Enquete

Qual a culpa dos problemas políticos do Vasco na campanha do clube no Brasileiro?

Deixe seu comentario