Renato dá bronca na torcida

21/01/2006 às 01h30 - FUTEBOL

Quem entra em campo hoje, sem chuteiras nem bola, é Renato Gaúcho. O técnico do Vasco vai entrar duro, na canela das torcidas organizadas, exigindo, numa reunião, que as vaias contra Alex Dias não se repitam no clássico de amanhã, com o Botafogo. \"Vou me encontrar com os chefes de algumas torcidas e dizer-lhes que não deve ir ao estádio quem não quiser apoiar o Alex\", disse Renato.

O técnico considera as vaias ao atacante, que acionou o Vasco na Justiça, um gol contra: \"Vaiando o Alex, a torcida está interferindo no nosso trabalho, pois a equipe toda sente. E o Alex é sensível a esse tipo de coisa\".

Com o atacante, Renato Gaúcho já conversou ontem, antes do treino, tentando passar-lhe tranqüilidade. \"Dei conselhos a ele, que sempre teve o apoio da torcida. Agora, vou tentar juntar essa parte do Vasco que está quebrada\", afirmou, preocupado.
No grupo de jogadores, porém, não há rachaduras. O goleiro Roberto garantiu que todo o elenco está torcendo por dias melhores: \"A gente está sentindo muito por ele. Alex sempre foi um guerreiro\".

Em Cabo Frio, aproveitando a Cabofolia, Romário não treinou em São Januário, ontem de manhã. Renato ironizou a ausência: \"Ele não veio? Caramba! Nem tinha percebido\". O técnico garantiu a presença do atacante no clássico.

Fonte: O Dia