Futebol

Ricardo Graça liderou o vestiário no jogo contra o Bangu; veja bastidores

0

Confiança aos crias da base, convicção de Marcelo Cabo nos garotos e fala motivacional de Ricardo Graça. Assim foram os bastidores da vitória do Vasco por 4 a 2 sobre o Bangu, no último sábado, no Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, pelo Campeonato Carioca. Em vídeo divulgado pela Vasco TV nesta segunda-feira, foi possível ver e ouvir alguns momentos do pré e dos pós-jogo dentro do vestiário do clube. E o Esporte News Mundo separou algumas das principais falas dos bastidores.

Em um dos principais momentos do pré-jogo, na roda de conversa antes de subirem para o campo, o zagueiro e capitão Ricardo Graça falou com o grupo e citou Riquelme, que estava fazendo a estreia no time profissional, e Marlon Gomes e Caio Eduardo, que foram relacionados pela primeira vez:

– Oportunidade de vestir essa camisa. Caio, quer voltar para a base ou ficar aqui? Então, irmão, se entrar no jogo, tem que dar a vida. É a oportunidade da tua vida. Riquelme, vai jogar. É oportunidade. Eu quero que você hoje faça gol, dê assistência. Você trabalhou a vida inteira para isso aí. A vida inteira você, o Caio, o Marlon trabalharam para estar aqui hoje. Eu trabalhei, todo mundo que tá aqui trabalhou. Frio na barriga e é bom pra cara. Quem entrar no jogo, entra solto, sabendo o que tem que fazer, e vai jogar. Vai jogar. Deixa que a gente corre pra cara para vocês – afirmou Ricardo Graça.

Depois de Ricardo Graça, foi a vez do técnico Marcelo Cabo falar com os jogadores. Ele chamou a responsabilidade para si, passou confiança aos jogadores e incentivou os garotos a jogarem com liberdade dentro de campo.

– Uma coisa que eu quero deixar bem clara para vocês. Quando nós da comissão técnica tomamos a decisão por essa equipe iniciar o jogo hoje, a gente tinha convicção disso. E a convicção traz confiança. Nós confiamos em vocês pra cara***. Aqui no futebol não tem o cara que tem 16 e o cara que tem 35. Jogo é jogado e lambari é pescado. É jogar. Coisa que vocês que chegaram no Vasco pequeninho e estão até hoje esperando essa oportunidade. Jogar como vocês jogaram no sub-13, 15, 17, 20 e no profissional. É onze contra onze e [inauvídel]. Vamos jogar. Joguem com a alegria, joguem destemidos. A responsabilidade é minha que sou treinador de vocês. Se eu botei o Riquelme, eu confio no Riquelme. Se eu botei o J, é porque eu confio no J. Porque ele está treinando pra cara, desde que eu me apresentei aqui, calado. E tem a oportunidade dele hoje. E vale para todo mundo. Sabe o que a gente tem que subir ali? Jogar. A gente já sabe os conceitos, a gente já sabe a responsabilidade tática, mas jogar. Jogar futebol alegre, futebol menino. Tentar, não se omitir. O resto deixa que eu seguro. Joguem e o resto é comigo.

Pós-jogo e Tiago Reis como exemplo

Depois da vitória por 4 a 2, com três gols de Tiago Reis, o técnico Marcelo Cabo fez questão de elogiar o atacante na frente dos outros jogadores. O treinador afirmou que o jogador foi um exemplo de bom trabalho feito durante a semana antes da partida.

– Fazer uma menção ao Tiago aqui de quanto trabalho a gente fez essa semana específico com ele e ele sabe disso. E ele humilde, calado, trabalhando, trabalhando, trabalhando… Talvez ele tenha engolido muito sapo, mas não vai cuspir maribondo não. Ele vai desfrutar esse domingo de Páscoa com a família dele e a alegria de todos nós ver ele trabalhando em silêncio. Eu não gosto de individualizar muito as situações, mas eu tenho que resplandecer isso aqui. Tiago foi um exemplo de semana – afirmou Marcelo Cabo antes de completar:

– Estamos construindo um futuro brilhante para o Vasco. Mas uma coisa a gente tem que aprender. Quando a gente empatou, quando a gente perdeu, tem que ser forte. E quando ganhar tem que saber ganhar e ser forte. Como o Alexandre falou: isso aqui vai ser normal para o Vasco. O Vasco é feito para vencer. Nós estamos fazendo a nossa equipe para vencer. Isso aqui vai ser uma rotina dentro do nosso vestiário. Vencer, se alegrar, abraçar… Porque nós estamos fazendo uma equipe com DNA vencedora. Parabéns – concluiu Cabo.

Além da fala do técnico Marcelo Cabo, a Vasco TV também mostrou pequenas entrevistas com dois dos principais personagens do jogo: o lateral-esquerdo Riquelme e o atacante Tiago Reis: O lateral-esquerdo, no seu primeiro jogo como profissional, deu uma das assistências para o atacante, que marcou três vezes.

– Inexplicável. Estou aqui desde os 10 anos, hoje fiz minha estreia com 18 anos. Muito gratificante. Tive o apoio de todo grupo. No começo tava um pouco nervoso, mas depois dos 5 primeiros minutos comecei a me soltar. Só tenho que agradecer ao clube por todo suporte desde a minha chegada ao profissional. Agradecer a Deus, a minha família e a todos que torcem por mim – afirmou Riquelme.

– Importância desse jogo pra mim foi pela confiança de novo. Sou um cara que trabalha muito, sempre trabalhei forte. Graças a Deus os gols saíram. Abriu a porteira, como eu falei. Mais importante disso tudo foi o jeito que nosso time jogou, o jogo apoiado, jogamos muito bem – disse Tiago Reis.

Foto: Reprodução/Vasco TVRicardo Graça
Ricardo Graça

 

Fonte: Esporte News Mundo
Loading...
  • Quarta-feira, 07/04/2021 às 21h30
    Vasco Vasco 2
    Tombense Tombense 1
    Copa do Brasil Almeidão
  • Quinta-feira, 15/04/2021 às 19h00
    Vasco Vasco
    Flamengo Flamengo
    Taça Guanabara Maracanã
  • Domingo, 18/04/2021 às 18h30
    Vasco Vasco
    Boavista Boavista
    Taça Guanabara Estádio Elcyr Rezende de Mendonça
  • 24/04 (sáb) ou 25/04 (dom)
    Vasco Vasco
    Resende Resende
    Taça Guanabara A definir
  • A definir
    Vasco Vasco
    Operário Operário
    Campeonato Brasileiro - Série B A definir
  • A definir
    Vasco Vasco
    Ponte Preta Ponte Preta
    Campeonato Brasileiro - Série B A definir
  • A definir
    Vasco Vasco
    Brasil de Pelotas Brasil de Pelotas
    Campeonato Brasileiro - Série B A definir