Clube

Salgado ignora ações na justiça e inicia "plano de 100 dias" para gestão

5

Presidente eleito no Vasco, Jorge Salgado se manifestou pela primeira vez nesta sexta-feira, no dia seguinte às diversas tentativas do grupo de Luiz Roberto Leven Siano de impedir a posse na presidência do clube. O líder da Somamos é autor de ação para revisão da decisão de colegiado favorável a Salgado no TJ-RJ e beneficiário de movimentações do partido Solidariedade e do presidente do Conselho Deliberativo, Roberto Monteiro.

Ainda não há novas decisões sobre os pedidos.

Salgado reuniu a equipe de transição, com seus futuros indicados a cargos de vice-presidentes e o recém-contratado CEO Luiz Mello, para discutir planos iniciais de gestão no Vasco. Ele ignorou as ações de seu adversário político. Nessa quinta-feira, por meio da assessoria de imprensa, disse que o tema eleição era passado.

Na publicação em seu Twitter, o empresário do mercado financeiro disse que a reunião serviu para levantar "dados em cada área na transição e fechar o plano dos primeiros 100 dias da nossa gestão, que serão anunciados na posse."
 

Foto: ReproduçãoJorge Salgado
Jorge Salgado

A posse, porém, com guerra sem fim nos tribunais, ainda é uma incógnita no Vasco. Ainda não há data para a cerimônia. Pelo estatuto do clube, seria na primeira semana da segunda quinzena de dezembro. O presidente do Conselho Deliberativo do Vasco, Roberto Monteiro, é quem deveria convocar a posse.

A convocação do presidente do Deliberativo precisa acontecer com cinco dias de antecedência do prazo para a posse da nova diretoria - a primeira semana da segunda quinzena de janeiro. Caso Monteiro ou seu vice no Conselho não convoquem a posse, o atual presidente Alexandre Campello pode fazer a convocação dois dias depois do fim do prazo. É o entendimento da Mais Vasco.

- Nossos compromissos são claros. Profissionalizar a gestão do Clube, reestruturar o endividamento, equacionar o fluxo de caixa, aumentar receitas, sempre tendo como objetivo garantir ao Vasco um futebol forte e vencedor. Os desafios são imensos. Estamos prontos para enfrentá-los - disse Salgado.

Fonte: ge