Senador: "Timemania protege os corruptos"

27/02/2008 às 00h00 - POLÍTICA

A Timemania mal foi criada e já é alvo de polêmica. O senador Álvaro Dias (PSDB-PR) criticou a criação da loteria e a exclusão de uma medida de sua autoria, aprovada pelo Congresso Nacional, que determina que só poderiam se beneficiar dos resultados da Timemania os clubes cujos dirigentes não estivessem condenados em qualquer instância da Justiça (reveja a criação da Timemania no vídeo ao lado).

A Timemania tem por objetivo garantir recursos aos clubes brasileiros para pagamento de suas dívidas com a Previdência Social. De acordo com o senador, o decreto regulamentador da loteria, publicado pela Caixa Econômica Federal, altera o conteúdo da lei e possibilita a clubes com dirigentes condenados participarem da Timemania desfrutando, assim, dos benefícios dela decorrentes.

- Ora, um decreto não pode se sobrepor à lei, e não tem a Caixa Econômica Federal prerrogativas do Supremo Tribunal Federal. Essa atitude procura acobertar a corrupção e proteger desonestos - critica Álvaro Dias, em entrevista ao site do Senado Federal.

Fonte: GloboEsporte.com