Sonia Andrade parabeniza o Vasco por abraçar a Campanha do Sinal Vermelho

05/09/2020 às 09h46 - CLUBE

VASCO ADERE CAMPANHA DO SINAL VERMELHO CONTRA VIOLÊNCIA DOMÉSTICA COM A PARTICIPAÇÃO DE TORCEDORES:
O Vasco prepara uma ação contra a violência doméstica abraçando a campanha Sinal Vermelho. As torcedoras e os torcedores abraçam a campanha do Sinal Vermelho juntamente com clube. Diga não à violência contra a mulher!” A iniciativa mostra a preocupação do clube com os altos índices de violência contra a mulher, que aumentaram durante a pandemia, segundo o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos. Os dados apontam um crescimento de 13,35% em fevereiro, 17,89% março, 37,58% em abril, quando comparados ao mesmo período de 2019. A violência doméstica e familiar é a principal causa de feminicídio não só no Brasil, mas em todo o mundo. Segundo dados da Organização das Nações Unidas (ONU), 17,8% das mulheres do mundo sofreram algum tipo de violência física ou sexual no ano de 2019. Isso significa que quase uma a cada cinco mulheres em todo o planeta foi vítima deste tipo de crime no ano passado.
O Gigante da Colina diante dessa triste realidade com a sua torcida abraça a partir de HOJE a campanha do SINAL VERMELHO❗️💢
Diga não à violência contra a mulher!
☎️ Denuncie: Ligue para 188.
Essa causa é de vocês torcedoras e torcedores!
Vamos ajudar a mudar essa triste realidade?
Obrigada!!!!!
Obrigada todos os grupos políticos que acima de tudo abraçam as causas sociais❗️❤️

View this post on Instagram

VASCO ADERE CAMPANHA DO SINAL VERMELHO CONTRA VIOLÊNCIA DOMÉSTICA COM A PARTICIPAÇÃO DE TORCEDORES: O Vasco prepara uma ação contra a violência doméstica abraçando a campanha Sinal Vermelho. As torcedoras e os torcedores abraçam a campanha do Sinal Vermelho juntamente com clube. Diga não à violência contra a mulher!” A iniciativa mostra a preocupação do clube com os altos índices de violência contra a mulher, que aumentaram durante a pandemia, segundo o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos. Os dados apontam um crescimento de 13,35% em fevereiro, 17,89% março, 37,58% em abril, quando comparados ao mesmo período de 2019. A violência doméstica e familiar é a principal causa de feminicídio não só no Brasil, mas em todo o mundo. Segundo dados da Organização das Nações Unidas (ONU), 17,8% das mulheres do mundo sofreram algum tipo de violência física ou sexual no ano de 2019. Isso significa que quase uma a cada cinco mulheres em todo o planeta foi vítima deste tipo de crime no ano passado. O Gigante da Colina diante dessa triste realidade com a sua torcida abraça a partir de HOJE a campanha do SINAL VERMELHO❗️💢 Diga não à violência contra a mulher! ☎️ Denuncie: Ligue para 188. Essa causa é de vocês torcedoras e torcedores! Vamos ajudar a mudar essa triste realidade? Obrigada!!!!! Obrigada todos os grupos políticos que acima de tudo abraçam as causas sociais❗️❤️

A post shared by Sonia Maria Andrade dos Santos (@ssmas17) on

Fonte: Instagram da VP Sonia Maria Andrade dos Santos