Tímido, Edmundo volta à casa

11/01/2006 às 17h11 - FUTEBOL

Edmundo voltou à casa e diz que parece que nunca saiu do Palmeiras. Mas confessa que ainda está tímido em seu retorno. Coisas de quem é do signo de Áries, explica ele, que garante que vai se soltar em breve. Com os companheiros a convivência tem sido cada vez mais fácil. Já o técnico Leão ainda está um pouco distante.

- A gente convive com os jogadores o tempo todo, acaba se entrosando rápido, brincando. Até comentei com o Paulo (Baier) como fomos bem recebidos. Mas com o treinador o contato ainda é apenas nos treinamentos, quando temos que manter a seriedade. Ele até brinca com alguns atletas, e a gente ainda vai diminuir esta distância - explicou o atacante.

Apesar de ser um ídolo da torcida palmeirense, Edmundo prefere não usar seu passado glorioso no Palestra para se impor ou sobressair no grupo. Até porque hoje a realidade do clube é diferente.

- Não é porque tenho história aqui que vou chegar e mandar. Aos poucos vou me adaptando. As coisas mudaram. Antigamente, chamava o Marcos de moleque, de juvenil. Hoje, tenho que chamá-lo de senhor. É um grande amigo - brincou Edmundo.

Fonte: GloboEsporte.com