TSE retoma o julgamento da candidatura de Eurico a deputado

14/09/2006 às 20h22 - POLÍTICA

Em instantes, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) retoma o julgamento do recurso, protocolado pelo candidato a deputado federal Eurico Miranda (PP-RJ). Iniciado no último dia 5, o julgamento foi adiado e suspenso com um pedido de vista do ministro Carlos Ayres Britto.

O relator, ministro Marcelo Ribeiro, e o presidente do TSE, ministro Marco Aurélio, votaram pelo acolhimento do recurso, autorizando o registro da candidatura.

Faltam votar, incluindo o voto-vista, cinco ministros. Eurico Miranda teve o pedido de candidatura indeferido pelo Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ), sob o argumento de que o candidato não teria vida pregressa idônea que o habilitasse a exercer cargo público.

De acordo com o TRE-RJ, ele responde a sete processos criminais na Justiça. O TRE-RJ considerou a vida pregressa de Eurico Miranda para negar a candidatura.

Segundo o tribunal, ele não teria \"postura moral\" para exercer cargo público por responder a processos criminais pela suspeita de prática dos seguintes crimes: evasão de divisas, sonegação fiscal, furto, uso de documento público.

Em nenhum dos casos, Miranda foi condenado.

Fonte: Último Segundo